terça-feira, dezembro 26, 2006

Pendurado

Este tanbém chega a 2007 mais pendurado que un chouriço no fumeiro. No PSD todos andam a afiar a faca para o "petiscarem". Deve desaparecer rápidamente.

Contributo para o Echelon: spies, IWO, eavesdropping

26 comentários:

  1. vamos passar de chouriço artesanal a chouriço insustrial...
    abraço

    ResponderEliminar
  2. bem, mas o penduranço tem pelo menos um aspecto lúdico! enquanto tentam comer o bébé a gente sempre se vai divertindo... e inspirando, inspiradas e inspiradoras montagens como esta!

    ResponderEliminar
  3. Esperemos bem que sim, que desapareça bem depressa, para bem de todos, social-democratas ou não! Afinal, a Socretina merece uma oposição em condições, ou nao?!

    Já vai um pouco tarde, mas ainda na quadra festiva, por isso ainda é tempo de desejar Boas Festas!! (ainda se aproveita a passagem de ano =P)

    Um abraço

    ResponderEliminar
  4. Luikki:
    Uma coisa tão pequena não vai dar para muita gente
    abraço

    ResponderEliminar
  5. Rui:
    Pelo menos podemos rir um puco com a situação, enquanto der.
    abraço

    ResponderEliminar
  6. Willow:
    Este país merecia era politicos todos novos não só na oposição como também no governo.
    Umas boas festas para ti.
    abraço

    ResponderEliminar
  7. Devido ao tamanho...apenas vai dar linguiça!
    Mas adoro criancinhas ao pequeno almoço!Chleps...chleps...

    ResponderEliminar
  8. Probe Anna Geddes, nunca deve ter fotografado um bebé tão feio. Ganda Nóia!

    ResponderEliminar
  9. Porra...se isto é um bebé?!?! Kaos...estou arrepiada, este bebé faz-me lembrar aquele anão, o mendes.Estarei ainda a sofrer dos sintomas do Natal, mas numa coisa tipo filme de terror, isto é; invertido. Em vez de ver coisas boas vejo fantasmas e mumias. SCARY!!!!!!!!E tu escreves sobre FACAS?! Vou-me deitar, não estou bem, amanhã volto cá e o texto já vai fazer sentido e o bebé vai ser mesmo um bebé!!!
    bjs

    ResponderEliminar
  10. Henry Pote26/12/06 21:45

    Willow:
    Não estou de acordo. Então este país não tem políticos exemplares! Políticos de rija têmpera, de antes quebrar que torcer! Vejam só o exemplo do Rui Rio. Este sim. Num só dia de trabalho devia ter resolvido o problema do défice que tantas aflições tem dado à Socratina.
    Aquilo é que é um homem. Então não é que em dia de tolerância de ponto o presidentte da CMP às oito horas da manhã já tinha marcado o ponto! Claro que durante a semana ninguém o deveria ter visto no gabinete. Mas isso são contas de outro rosário! Porque a vida de um presidente não é fácil. Ele é deslocações para aqui, ele é estudos para acolá! Ele é jantaradas, "coqueteis", recepções, enfim! Uma coisa é certa. Hoje, eu tive oportunidade de constatar que esta gente não é de capinar sentada. Então não é que o executivo esteve a trabalhar! Pelo menos eu vi, claramente visto (com licença do épico Luís Vaz) que no parque existente nas traseiras do edifício da Câmara do Porto estavam estacionadas cerca de uma dezena de viaturas topo de gama da autarquia. E esses, certamente, não são dos trabalhadores! O pior é que essas viaturas gastam combustível pago por todos nós!
    Mais valia terem ficado todos em casa. Não se resolvia o candente problema do draático Pacto de Estabilidade Comum, mas por outro lado também se o tasco estivesse encerrado não se gastava energia Não há dúvida que este Rio é um português de eleição. É difícil, nos dias que correm, encontrarem-se políticos desta estispe! Ele pode ser, no melhor sentido, claro, um bom protagonista na ficção de Cervantes!

    ResponderEliminar
  11. A Mim Me Parece26/12/06 22:57

    A mim me parece que este pote henry se está a fazer à puta da socratina.

    ResponderEliminar
  12. Henry Pote26/12/06 23:26

    Para o diabo que carregue a sinistra Socratina! Abrenúncio!

    ResponderEliminar
  13. Stalin:
    Um petisco para fazer o dente para carnes mais saborosas.
    abraço

    ResponderEliminar
  14. Dae:
    Nem sempre os modelos ajudam os artistas.
    abraço

    ResponderEliminar
  15. Alien:
    Suspeito que este bebé é um alien mal parido. Um Alien do mal, está visto já que a tua espécie é muito mais civilizada.
    bjs

    ResponderEliminar
  16. Henry:
    O Rui Rio é só o exemplo da falta de grandeza dos nossos politicos, que quando não conseguem mostrar capacidade de licerança se escondem por detrás da prepotencia e do autoritarismo. Gente reles e sem valor.
    abraço

    ResponderEliminar
  17. a mim me parece:
    Espero que não ou vamos ter uma cena de ciunes do Cavaco :)
    abraço

    ResponderEliminar
  18. henry:
    A Sócretina parece ser o Voldemort deste nosso Henry Pote :)
    abraço

    ResponderEliminar
  19. Henry Pote27/12/06 00:07

    Kaos:
    De facto assim é:
    Lord Voldemort (nascido em 1928) é um vilão. A Socratina nasceu mais tarde mas, tal como o lorde, personifica o mal e o seu objectivo é controlar o mundo mágico e ganhar imortalidade através da prática de magia negra.
    Abraço

    ResponderEliminar
  20. Henry Pote27/12/06 00:38

    Isto é mesmo um filme de terror!
    Então não é que mal passadas 48 horas da ceia natalícia (ainda mal deglutida), a Socratina fez anunciar uma magia negra que vai pôr o pessoal do rectângulo a defecar sangue.
    Ora vejam só esta notícia da SIC, que circula na Net:

    Novas regras na Administração Pública, Segurança Social e Saúde
    "Ano Novo, vida nova".
    O ditado aplica-se sobretudo aos funcionários públicos. Mas a Segurança Social e a Saúde são áreas em que também se antecipam novidades em 2007.
    As novas regras novas para as reformas passam a ter em conta toda a carreira contributiva dos trabalhadores, logo, devem baixar. Para manter o mesmo nível de reforma, os trabalhadores terão que aumentar os descontos – ou, trabalhar durante mais anos.
    No subsídio de desemprego, mudam também as regras. Normas mais rígidas passam a exigir a procura activa de um novo trabalho. E a recusa de ofertas pode mesmo levar ao corte das ajudas do Estado.Na Saúde, acabam os subsistemas. Aumenta a taxa de comparticipação para a ADSE dos funcionários públicos. E aparecem novas taxas moderadoras para os internamentos e actos cirúrgicos. A boa notícia é que baixam os preços de alguns medicamentos.
    Mas a grande mudança que o novo ano traz é na função pública: a partir de 2007, acaba o emprego para toda a vida.
    Com a reestruturação de serviços, muitos funcionários serão recolocados ou irão passar para a bolsa de supranumerários. Se a situação se arrastar podem perder até um terço do salário. Mantêm o vínculo ao Estado, mas são incentivados a encontrar emprego no sector privado.

    ResponderEliminar
  21. pendurado e mais sujo que pau de galinheiro...

    até cair no lume, não falta muito não..lol

    beijos

    ResponderEliminar
  22. Henry Pote27/12/06 01:59

    POR TU GUÊ SES!!! ACORDAI, PORRA!!
    São duas da manhã.
    Eu já me tinha ido deitar, mas ao pensar no infatigável Rui Rio, na seráfica Socratina e no filme de terror, fiquei com uma tal insónia que voltei ao jardim para ver se encontrava por aqui alguém para desabafar, mas pelos vistos já está tudo a nanar! Só há luz no Palácio de Belém. Schiu! schiuuu!

    Ah! Olá Cristina, também está com insónias? Pudera! Ainda não entramos em 2007 e já nos ameaçam com mais paulada!!!

    ResponderEliminar
  23. henry Pote:
    Essas medidas de que falas são magia negra que foi feita ao longo do ano e que entra em vigor com o novo orçamento. Critiquei na altura cada uma dessas medidas, mas podes estar preparado que muitas outras ai virão. Temos de correr com esta gente do poleiro e sobretudo colocar lá alguem mais honesto e humano (não vejo por ai ninguém com esse perfil)
    Abraço

    ResponderEliminar
  24. Cristina:
    Esse já esté queimado mesmo antes de cair no lume. Repasto para abutres.
    bjs

    ResponderEliminar
  25. tadinho dele...
    Será que vai desaparecer depressa, ou ainda chega ao próximo natal?
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  26. tb:
    Aquele nem para a engorda serve. Vai ser todo papadinho.
    bjs

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo