terça-feira, abril 28, 2009

Ruptura

 POUS

A partir de hoje e até à véspera das próximas eleições este blog, ou seja eu, deixará de ser desalinhado e vai apoiar a campanha do POUS às Europeias. Revejo-me na ideia da proibição dos despedimentos. Acredito que o Estado deve assumir a nacionalização e a viabilização das empresas em defesa do emprego. Quantos despedimentos poderiam ter sido evitados se os milhares de milhões enterrados na Banca, nos BPN, no BPB, estivessem a ser utilizados na defesa do emprego? Utilizados, para evitar o desespero da pobreza para mais de meio milhão de Portugueses, para evitar o desmantelamento do que ainda resta do sistema produtivo do país.
Revejo-me também no darem voz a um grupo de cidadãos (a RUE), que defende a Ruptura com a União Europeia. Mais de 70% da nossa legislação já se apoia em directivas comunitárias. É a instituição política em que menos os cidadãos têm direito de escolha e é aquela que define a ideologia pela qual nos regemos. Que nos diz que temos de viver num estado com uma política económica capitalista e liberal. Por tornar impossível a um partido que não defenda essas políticas aplicar as suas idéias económicas e sociais. Não nos é possibilitado o direito de escolhermos o nosso caminho. Só a ruptura com esta UE nos devolverá a liberdade de escolha. Apoio o POUS nestas eleições porque propõe uma efectiva ruptura com o sistema.

Quanto ao dia das eleições ainda me balanço sobre o voto no POUS, ou apostar na abstenção. Em nenhum caso farei grande dano ao poder, mas algum fará certamente. Com que legitimidade ética, poderiam defender a legitimidade representativa de um parlamento europeu, se oitenta ou noventa por cento dos cidadãos não votarem nestas eleições? O medo que mostraram dos referendos para a Constituição Europeia e a chantagem tremenda que estão a fazer sobre o povo Irlandês por a ter chumbado, no único caso em que não puderam evitar que se fizesse, mostra que não é a democracia nem a vontade dos cidadãos aquilo que mais os move. Depois direi aqui qual será a minha opção de voto.

25 comentários:

  1. Não, não endoidou.
    Apenas na reflexão dos factos caminha para uma ideologia de ruptura. Pois em breve muitos se hão-de juntar ao voto branco e não tardará teremos que votar de braço no ar, se tivermos que andar à chapada.
    E isto só pode levar a um lugar...
    as pessoas vão ter que forçadamente mudar sua mentalidade egoísta e finalmente a abrirem mão dos seus "pertences" e a repartir mais os que é de todos nós (global). Quem tem, tem que começar a dar mais.
    A Web já é uma condutibilidade "nervosa", via de comunicação global. E a Revolução está já em curso. BEM HAJA

    CARREGA

    ResponderEliminar
  2. Olá, as cores do cartaz são do MRPP e termo "RUPTURA" é do discurso político PCP.

    Tudo junto o que dá: esquerdismo, puro e duro, nunca aprendem.

    ResponderEliminar
  3. ...quem aprende é o sr.prof. dr. cavaco silva e sus muchachos:oliveira e costa,dias loureiro e restante jana..

    ResponderEliminar
  4. Para o anónimo das 16
    Esquerdismo (onde já ouvi isto?) Não me digam que é....! não, não pode ser, ou será?

    Que nos deu a CEE?
    Betão, alcatrão, mais uns patos-bravos a enriquecerem à custa da dita, umas merdas de fachada para nos enganar e mais nada.

    Que ganhamos? Está-se a ver, mais capitalismo, mais exploração, mais dependência e mais uns tachos em Bruxelas, etc..

    Claro, as nomenclaturas partidárias querem é disto, bons ordenados, melhores mordomias e gajas boas para lhes aquecerem os pés, porque por lá faz um frio do caraças.

    Sim, não demora muito e os defensores do sistema serão os únicos a votar, ou seja, votam em eles próprios.

    Abraço

    ResponderEliminar
  5. anonimo 13.01:
    Talvez tenha endoidecido, mas isto não vai lá com operações cosméticas. Só uma mudança radical pode resolver os problemas e a que é proposta é no minimo racional.

    Anonimo 16.00:
    Em primeiro lugar o termo ruptura não tem nada de semelhante com o PCP. Já era dito pelo POOUS muito antes e o PCP só defende a ruptura com as politicas e não com a UE. Uma diferença enorme.
    Quanto às cores do cartaz, ele é um mero boneco como os outros. Era um cartaz do MRPP que eu alterei como faço com outras imagens e nada tem de oficial nem representa o partido. Se é esquerdismo qual é o mal? Antes esquerdista e ser de esquerda que se dizer de esquerda e colaborar com o sistema. Para esse peditorio já dei

    ResponderEliminar
  6. Oi, nada percebo de política mas amo esse seu país. Amo Portugal, e quero o melhor pra todos aí.
    Beijocas,
    Gisele (Rio de Janeiro)

    ResponderEliminar
  7. Eu já endoidei há muito tempo, porra!!!!!!!!
    Também defendo a rotura com a União Europeia!
    A consagração da pena de morte no Direito português!!
    A inspecção das contas bancárias, e do restante património, de TODOS os que depois do 25 de Abril ocuparam cargos políticos, sendo que os tiverem amealhado mais do que o Marcello Caetano ou o Salazar amealharam, devem:
    (1) ver de imediato todo os seus bens serem nacionalizados,
    (2) serem fuzilados.
    De igual modo todos os que beneficiaram do poder político para obterem empregos, contratos, ou qualquer espécie de favor que os beneficiou relativamente aos restantes portugueses, têm de fazer as contas e devolver o que obtiveram à custa do caciquismo, para depois serem deportados!
    A supremacia moral dos democratas não pode ser posta em causa por bandalhos e escumalha reles, devendo ser provada permanentemente por aqueles que o dizem ser, e são eleitos pelo Povo.
    Vivam os trabalhadores portugueses!
    Vivam os portugueses!
    Viva Portugal!
    Morte aos ladrões!
    25 de Abril sempre!

    ResponderEliminar
  8. Zé Leitão28/4/09 22:14

    Voto em branco, vamos a isso

    ResponderEliminar
  9. O POUS não é aqueilo que sai das feridas... com um o a mais...de olho do cu?

    ResponderEliminar
  10. Que regressem as nacionalizações que em 1974/75 deram um resultadão! Que se criem Comissões de Trabalhadores para reocupar fábricas e herdades, filmes já vistos e que, ou se revelaram tragédias ou tragicomédias. Abandonemos, já, a EU e façamos acordos bilaterais com Cuba e a Coreia do Norte! Que passemos ao Sistema de partido único porque só há uma classe, a dos proletários e mais nenhuma.
    O Kaos parece querer que Portugal regresse ao caos que imperou durante ano e meio, de Abril de 74 a Novembro de 75. Ao tempo dos saneamentos políticos, dos SUV (Soldados Unidos Vencerão), às prisões arbitrárias do Copcom.
    Pois eu não!!! Sei que os capitães do 25 de Abril também não queriam mas foram ultrapassados pelos acontecimentos. A eles, aos valorosos capitães de Abril, nunca ocorreu que derrubando uma ditadura podiam entregar o País a outra em nada melhor.
    Vasco

    ResponderEliminar
  11. Anonimo 22.01
    Sou contra a pena de morte e para muita dessa gente perderem as fortunas e as mordomias é bem pior que perderem a vida

    Aninimo 22:22
    Não, o POUS é o partido operário de unidade socialista. Mas se desejares também posso arranjar boas definições para BE, PCP, PS, PSD ou CDS, mas parece-me uma fraca maneira de defender uma ideia.

    Vasco:
    Não defendo regressos mas avanços. Uma coisa tenho a certeza, é que este caminho que trilhamos nos conduziu ao abismo e a queda na miséria deste povo é inevitavel se nada fizermos. Este caminho que seguimos não serve e há que procurar outro e o melhor mesmo é que este novo rumo seja para bem de todos e não só da ganacia de alguns. O país é de todos e só as politicas que sirvam todos são boas.

    ResponderEliminar
  12. Kaos

    RUE/POUS ainda vai dar muito falatório!

    Bjs

    ResponderEliminar
  13. Este puto Kaos está cada vez mais imbecilizado....o gajo responde ao outro que não que POUS não é a merda que sai das feridas ahahahahahahahah só pa rir este idiota !!!
    Este gajo é estúpido até dizer chega!!!

    Vasquinho a ti fuzilava-te no Campo Pequeno !

    ResponderEliminar
  14. Kaos

    Tens uns amigos que não precisas de inimigos.
    Mas não é esse o assunto, tens que emendar o endereço da RUE pois está Not Found, é uma mistura de blogger com wordpress.

    Bjs

    ResponderEliminar
  15. Parabéns pela frontalidade. É uma atitude que aprecio. Vejo com frequência meios de comunicação social e blogs seguirem uma escolha política. Nada contra. Apenas lamento que não tomem a mesma atitude que tiveste.
    Abraço,
    Jorge

    ResponderEliminar
  16. julinho (Marinha Grande)29/4/09 09:35

    Estive afastado dstas coisas por uns tempos. Também quero dar os parabéns ao kaos pela frontalidade, vivemos num país livre, cada um opina e apoia quem queizer e pelas conversas o pessoal pensa que só existem cinco partidos onde votar e pior, alguns ainda pensam que há esquerda só existe o PC. Há tempos aqui neste espaço, opinei que o BE iria ficar em 3º lugar è frente do PC e perto do PSD, segundo as ultimas sondagens parece que não me enganei.

    ResponderEliminar
  17. Acredito que o Estado deve assumir a nacionalização e a viabilização das empresas em defesa do emprego.

    sim... o estado é um patrão criativo , com recursos infinitos .
    Não interessa se as empresas têm onde vender os seus produtos ..se não tiverem que se foda ..deita-se fora .

    Empregos ? caiem do céu ...se não cairem , o estado qual mãesona, dá ..

    Todos para a guerra civil

    hulk

    ResponderEliminar
  18. gostei do comentario da giselle do rio de janeiro ..
    que inteligencia..deve ter andado a dar a boceta pelo largo do rato ..ou pelo POUS..ai não ..aí no largo da rata só se comem cus...mas aí a giselle também tem ..será que ela só dava o cu ?

    hulk

    ps : viva o estado de recursos e criatividade infinita , viva o grande patrão .
    Que se foda a autosustentabilidade ..os filhos que vierem que paguem a conta.

    ResponderEliminar
  19. Mugabe:

    Andaste no ultramar a fugir aos turras e vêns para aqui armar-te em Rambo.
    Vai mas é evangelizar aí para a terrinha para onde fugiste.
    Tem vergonha respeita o partido que
    defendes.
    Já tens idade para ter juizo a não ser que o tenhas perdido no meio das picadas borradinho de medo.
    O PCP devia saber dos ataques que andas a fazer.

    Amaral

    ResponderEliminar
  20. hulk:
    Qual a tua posição sobre o estado oferecer milhares de milhões à banca sem qualquer retorno? E o BPN? E o BPP? Não seria esse dinheiro mais bem empregue na defesa do emprego, para não falar dos subsidios de desemprego que não tinha de pagar?
    Quanto à forma como falas de outras pessoas que aqui vieram comentar só mostras falta de educação.

    ResponderEliminar
  21. Amaral meu puto desenraizado !!! afinal o que é que tu queres ?? zurraste mas não disseste nada ! não sejas patego....turras ? evangelizar ? picadas ?? diz lá o que queres ó piolho encardido ahahahahah andas a fazer concorrência ao Xulinho da Marinha? o rapaz do BE$ que diz que o BE$ vai ficar à frente do PC ???ahahahahahaha gandas nóias !!!

    ResponderEliminar
  22. Pá isto só lá vai com o PCP. Já desisti das outras alternativas todas.

    ResponderEliminar
  23. Mugabe:
    Podes vir a ter uma surpresda...desagradavel

    João:
    para esse peditorio já dei

    ResponderEliminar
  24. Anónimo3/5/09 14:12

    Blogger Kaos disse...

    hulk:
    Qual a tua posição sobre o estado oferecer milhares de milhões à banca sem qualquer retorno? E o BPN? E o BPP? Não seria esse dinheiro mais bem empregue na defesa do emprego, para não falar dos subsidios de desemprego que não tinha de pagar?
    Quanto à forma como falas de outras pessoas que aqui vieram comentar só mostras falta de educação.

    13:53



    Acho que nenhum banco tem que ser ajudado ! Um banco deve ser uma empresa como outra qualquer !

    E também , que o Estado é milhoes de vezes pior a administrar o nosso dinheiro, do que nós próprios !
    O Estado é tudo o que existe de ruim e perverso ! Tudo que o estado faz , faz mal ! Pode haver uma excepção ou outra , o que confirma a regra !
    O Estado é podre ! O Estado é compadrio! O Estado é desvario ! O Estado é desperdicio ! O Estado é roubo selvagem e insaciável!O Estado não pensa duas vezes ! O Estado é ninho de crápulas !O Estado é ilusão !O Estado é um pesadelo ! O estado é uma droga ruim !O Estado é autoenganação ! O Estado é a ilusão da casa da mãe !

    NÓS NÃO PRECISAMOS DE ESTADO ! Nós precisamos de nos fazer á vida !Precisamos que o Estado saia da frente , deixe de estorvar ! que todas as actividades que exerce passe para a nossa iniciativa !

    É possível ter um estado infinitamente MENOR !


    SE TODOS OS PORTUGUESES METEREM NA CABEÇA QUE TÊM QUE INOVAR E PRODUZIR ALGUMA COISA QUE SEJA VENDÁVEL !AÍ ,NÂO TEM CRISE DE ESPECIE NENHUMA ! JAMAIS TERÃO CRISES !

    AGORA ...QUANDO TODOS QUEREM SER FUNCIONARIOS PUBLICOS ! UM MUNDO DE PREGUIÇOSOS FEIOS GORDOS NOJENTOS ?

    AH ZÉ POVINHO TÁS FUDIDO ;-) JÁ SABIAS , NÃO ERA ?

    hulk

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo