sexta-feira, setembro 18, 2009

Agora todos querem ter piada

Stand-up comedy

Cavaco Silva, no final da tarde de terça-feira, contou que foi aconselhar-se com um assessor sobre o que dizer na cerimónia dos prémios Gazeta. "Elogie os jornalistas e a Comunicação Social, sublinhe a isenção, a independência, diga que agora gasta pelo menos 30 minutos a ler os jornais todos os dias e não apenas 5 minutos, que vê os telejornais, incluindo o de sexta-feira, o de sábado e o de domingo", sugeriu o assessor, contou o próprio presidente. "Eu disse: não pode ser, porque se faço isso dizem imediatamente que estou a passar a mão pelo pêlo dos jornalistas para eles dizerem bem de mim". Foi então que o assessor o aconselhou a "ir pelo caminho contrário", fazendo uma análise crítica do jornalismo social, sugestão também declinada por Cavaco Silva, que confessou temer que algum jornalista "pegasse no sapato" e lho atirasse.

Não sei se por influencia do programa dos Gatos-fedorentos ou simplesmente porque lhe apeteceu, ouvi o Sr. Silva. Alguém devia fazer a boa acção de lhe dizer para nunca mais o fazer; Não tem jeito nem graça.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Ocorreu um erro neste dispositivo