terça-feira, setembro 15, 2009

Parem os Espanhóis

Espanhois nao

A Manuela Ferreira Leite informou-nos que a única razão pela qual se vai fazer o TGV em Portugal é para que os Espanhóis possam vira a receber mais fundos estruturais da União Europeia e que "Portugal não é uma província espanhola.". Como ela é defensora da política da verdade não posso deixar de acreditar nela, mas não posso deixar de realçar o que deve ter sido a sua enorme amizade para com os Asnar ao desejar fazer quatro linhas de TGV em Portugal.
Perante a preocupação manifestada pelo governo espanhol a estas afirmações, a Manelinha, afirmou serem naturais, mas que certamente, se ganhar, irá negociar o fim dos acordos sobre o TGV. Pelo que sei, negociar pressupõe uma troca que interesse a ambos. Que lhes vai ela dar em troca? As dividas do fisco? Não pode ser isso já deu ao City Bank. Estou certo que ela se lembrará de alguma coisa.
Ao Pacheco Pereira até se devem eriçar os pelos da língua quando a ouve falar. Como teria sido fácil ao PSD ganhar estas eleições com outro qualquer líder. Será que só a elegeram por haver no PSD muita gente interessada em que o Sócrates continue a governar?


9 comentários:

  1. Por feliz acaso cheguei aqui. Entrei e como é permitido fumar puxei de um cigarro. Pus-me a ver. Estou deslumbrado! Voltarei e voltarei e voltarei!
    Peço que me autorize a retirar três imagens para as colocar no meu blog, num espaço a que chamo "interagindo na Blogosfera". Obviamente serão referidos os créditos. As imagens são: esta dos espanhóis, a do TGV Portuga e a de Santana Lopes.
    Um abraço

    ResponderEliminar
  2. Ora agora é que o Kaos disse tudo «Como teria sido fácil ao PSD ganhar estas eleições com outro qualquer líder. Será que só a elegeram por haver no PSD muita gente interessada em que o Sócrates continue a governar?»

    Depois de conseguirem a demissão do Menezes, dizendo que lhe matavam os filhos se o não fizesse, temos a prova do centrão. Este 'decidiu' que Sócrates era para 2 legislaturas e vai disto.

    E quando o Oriente diz, muitos fazem senão acontece-lhe alguma coisa. Como ao tipo do Eurojust que investigava o caso Freeport; ou ao funcionário do BP que queria medidas contra a bandalheira que se viu (e mais há). A estes foi o chazinho da meia-noite...

    ResponderEliminar
  3. E quem está por detrás de tudo isto, quem é, nem mais, a Opus-Dei e a Maçonaria, estas duas seitas tenebrosas que tudo controlam.

    ResponderEliminar
  4. Carlos albuquerque
    Obrigado pelas tuas palavras e é claro que poder utilizar todas as imagens que desejares. São self-service
    Um abraço

    ResponderEliminar
  5. Anonimo e Ferroadas:
    As ordens vêm lá de cima do Clube de Bilderberg. Ou porque pensam que todos lá vão fazer o exame?

    ResponderEliminar
  6. De acordo, parem lá cos espanhóis.

    ResponderEliminar
  7. Tamém digo, eh, parem lá co as duas seitas, co a maçonaria e a opus gay, digo, opus dei.

    ResponderEliminar
  8. Sá Morais16/9/09 10:47

    "Como teria sido fácil ao PSD ganhar estas eleições com outro qualquer líder."

    Isto dava para "goleada", mas a equipa visitante é fraquinha e o mais certo é vitória caseira do Socrates & Boys FC.

    Acho que o maior interesse vai ser como ficará ordenado o "meio da tabela", ou seja, como se portam BE, CDS e CDU.

    Abraço!

    ResponderEliminar
  9. atenção..dizer que a unica razao é o facto espanha está errado e facciosista. ela tb referiu a questao do endividamento e retorno..
    gosto do blogue mas que esteja com um criterico de veracidade...um abraço pra todos

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo