sexta-feira, novembro 12, 2010

Ele há tangos para todos os gostos


Os autarcas podem ficar impunes, escapando às penas do Tribunal de Contas e à obrigação de devolver dinheiro desviado e pagamentos ilegais, já a partir do próximo ano. É o que prevê a proposta de Orçamento do Estado (OE) para 2011. A alteração é feita através de uma complexa teia jurídica, com remissões que põem em vigor para os autarcas um decreto de António de Oliveira Salazar, de 1933 - que foi ressuscitado e se aplica, ainda hoje, aos membros do governo.

3 comentários:

  1. Este tema, decreto-lei de Oliveira
    Salazar de Fev/1933, foi aqui criticado por mim, há umas semanas num post colocado por Kaos!
    Aproveitado por estes governos ditos "democráticos" para o que lhes convém!
    Afinal VIVA SALAZAR, VIVA A DEMOCRACIA!......

    Zé de Aveiro

    ResponderEliminar
  2. Este tema, decreto-lei de Oliveira
    Salazar de Fev/1933, foi aqui criticado por mim, há umas semanas num post colocado por Kaos!
    Aproveitado por estes governos ditos "democráticos" para o que lhes convém!
    Afinal VIVA SALAZAR, VIVA A DEMOCRACIA!......

    Zé de Aveiro

    ResponderEliminar
  3. esta gente ordinária... esta gentinha não é capaz de fazer a vida longe do estado, dos cofres do estado! ide para a porsche ou para a dior, a mac donald's ou a remax e deixai as contas públicas a salvo! cambada de ladrões...

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo