quarta-feira, dezembro 22, 2010

O insaciável "Porquinho" BPN

Depois de falhada a privatização, o Ministério das Finanças admitiu que está a estudar um pedido da administração do Banco Português de Negócios (BPN) para um reforço de capital "no montante máximo de cerca de 500 milhões de euros".

Já lhe perdi as contas, tantos são os milhares de milhões já "enterrados" no PBN. Agora são mais quinhentos milhões e daqui a uns tempos mais um corte nos salários ou uma subida de impostos para acertar o défice. Entretanto, há dois anos que 20 antigos administradores do BPN continuam a receber os seus salários em casa sem nada fazerem. (Será que também receberão prémios de produtividade? Já acredito em tudo).
Vamos é buscar todos os culpados, os que estão cá, em Cabo Verde, no Brasil ou seja lá onde for e pôr esta gente toda a pagar tudo o que roubaram. Já chega de roubalheira.

4 comentários:

  1. não há problema

    as notas são dólares falsos...

    ResponderEliminar
  2. COM QUE IMPOSTO NOS IRÃO FODER A SEGUIR?

    ResponderEliminar
  3. Não injectaram já mais €uros que o desgracadinho do Oliveira e Costa limpou? Deve ter algum cano furado

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo