quinta-feira, fevereiro 17, 2011

Afinal quem estava enganado?

Depois de o Eurostat ter divulgado que a taxa do desemprego se manteve em Dezembro em Portugal nos 10,9%, Valter Lemos sublinhou que a tendência quanto ao desemprego é de "estabilidade" e que 2010 foi "bastante melhor" do que as previsões da "esmagadora maioria" dos comentadores e organizações internacionais. "Todos os que pensaram que Portugal ultrapassaria os 11% em 2010 falharam. As previsões do Governo foram as mais certeiras", disse o responsável .
Valter Lemos em 3FEV2011

O secretário de Estado do Emprego admitiu, esta quarta-feira, que os números do desemprego 11,1 por cento registados no último trimestre de 2010 são «valores bastante elevados»
Valter Lemos em 15FEV2011

Com tantos enganos e erros quem devia estar na fila do Centro de Emprego era este Valter, a sua ministra e já agora todo o resto do governo. O país já não os aguenta.

PS: Quem venha a este blog regularmente já deve ter notado que basta o desemprego subir uma ou duas décimas e lá estou eu a fazer mais um post sobre o assunto. É que o problema não está nas décimas, mas nos milhares de trabalhadores e famílias que isso atira para a miséria e desespero. Não se trata de números mas de pessoas.

1 comentário:

  1. Era enviá-los a todos numa jangada de papel à deriva pelo mar fora,no entanto temos esta europa agora a nos encostar à parede e o que fazem os ditos opositores e defensores do povo?Parece que anda tudo acanhado à espera que alguém começe o motim para irem para a rua gritar.
    http://www.conspiracyplanet.com/channel.cfm?channelid=67&contentid=6748

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo