sábado, fevereiro 12, 2011

O dia do Egipto


Dia 11 de Fevereiro de 2011, um dia histórico e de esperança para o povo egípcio. Cabe-lhes agora defender aquilo que conquistaram, coisa que nós cá em Portugal não conseguimos fazer depois do 25 de Abril de 74. Boa sorte para eles.

5 comentários:

  1. A Mim Me Parece12/2/11 15:26

    Eu também desejo que o 11FEV dos egípcios não venha a ser o 25ABR dos portugueses. Que os egípcios nos anos quarenta deste século não venham a sofrer o que os portugueses sofreram e estão a sofrer às mãos dos políticos que foram levados a eleger. Mas também não lhes desejo o caminho da Albânia nem o da Coreia, Kaos!

    ResponderEliminar
  2. a mim me parece
    Felizmente não há só dois caminhos na vida de cada um e como canta o Sérgio, "hoje é o primeiro dia do resto das nossas vidas" pelo que todos os dias são dias de escolhas de caminhos e de mudança. Se o soubermos fazer.

    ResponderEliminar
  3. Lição de História

    Pai....quem foi Salazar?
    - Foi um Senhor que pôs correntes ao povo português durante 40 anos.
    - Ó Pai.... e o Mário Soares, quem é?
    - Esse, meu filho, foi o homem que tirou as correntes ao povo português.
    - Ó Pai....e o que são as correntes?
    - Era aquela coisa de ouro que o teu avô trazia e usava no colete para segurar o relógio!......

    ResponderEliminar
  4. A Mim Me Parece13/2/11 00:27

    Caro Kaos:
    A propósito do Egito lembrei-me de Semiramis. Não da raínha que também o foi do Egito, mas da sua saudosa colega bloguista JOANA, que se assinava por esse nick-name. E fui reler o texto titulado "CONSTRUTORES DE PIRÂMIDES" que ela publicou em 26.04.2005. Simplesmente genial.

    ResponderEliminar
  5. Vivas ao heróico Povo egípcio, não foi ninguém em seu nome, foi ELE, o genuíno, o explorado que fez com que o ditador se fosse embora. Sabemos que agora vão aparecer o "heróis" da burguesia partidária a tentar colher os louros, os regimes outrora amigos e financiadores da ditadura vão agora aparecer como "amigos" da democracia. A uns e outros, tenho a certeza que o Povo dará e devida resposta.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo