segunda-feira, dezembro 19, 2011

Os pobres de amanhã ainda mais pobres que os de hoje



O primeiro-ministro, actualmente com 47 anos, foi questionado sobre que pensão espera receber quando chegar à idade de se aposentar e respondeu: "Sensivelmente metade daquela que existia antes de 2007. Talvez um pouco mais para todos aqueles que entraram na vida activa nos últimos dez anos, o que não é o meu caso, que entrei há bastante mais".
Sobre o futuro do sistema de Segurança Social, de acordo com o líder do executivo, "qualquer que tenha sido a carreira contributiva, os pensionistas sabem que não obterão da Segurança Social uma pensão superior a um determinado valor e que, portanto, devem fazer aplicações (geridas ou não pelo Estado), de forma a terem uma pensão mais generosa do que está estabelecida".


Este é o futuro que nos prometem, a redução das pensões como se agora já fossem muito altas (mesmo pelas contas do governo, mais de 80 por cento são inferiores a 600 euros). Claro que nos oferecem uma alternativa, descontarmos ainda mais para "aplicações" ou seja seguros que nos garantam que as reformas chegam para podermos sobreviver. Este sempre foi o sonho do liberalismo em Portugal, transferir o dinheiro da segurança social do estado para os privados. Falam da insustentabilidade do sistema actual, mas são eles que tudo fazem para o destruir e tornar inevitável a sua falência. Um bom exemplo é a passagem dos 6 mil milhões do fundo de pensões da Banca para a segurança social, o que ajuda o governo a dizer que cumpriu p limite do défice, até ultrapassando as exigências, mas cria uma nova despesa à segurança social de 500 milhões de euros em cada ano.
A única forma de resolver este problema era fazendo com que o dinheiro das pensões fosse considerado num orçamento independente do orçamento de estado, impedindo assim que esse dinheiro, que é nosso pois vem dos nossos descontos e que nos devia garantir uma pensão digna, seja gasto sabe-se lá onde.


PS: Mais uma mentira do Passos Coelho, "...entraram na vida activa nos últimos dez anos, o que não é o meu caso, que entrei há bastante mais". O homem nunca fez nada na vida, foi jotinha do PSD até aos 40 anos, tirou um curso à pressa na Lusíadas e, durante meia dúzia de anos foi ser gestor nas empresas de lixo do seu mentor "Ângelo Correia".

9 comentários:

  1. Quanto mais ouço este fulano a falar (e basta ouvir hoje a entrevista em que aconselhava os professores a emigrar), mais me convenço que os pais dele dariam uma exclente campanha a favor da utilização do Perservativo ou até mesmo do Aborto.

    ResponderEliminar
  2. TEM UMA BOA SOLUçÂO; EMIGRAR e pode ser mesmo para o caralho que o foda.

    As forças armadas americanas tanta vez que se enganam e trocam as voltas nos bombardeamentos. (Desculpam-se eles quando corre mal) hoje bem que a marinha portuguesa se podia ter enganado ali prós lados de Oeiras!

    ResponderEliminar
  3. vá lá tá aqui um a dezere pa emigrare

    Os mês helenos emigraram todes, só fikei cum us romenos moldavos bielo-russos e outros cabrões quinté no último dia de aulas aparecem....

    cabrões dus putes...s'ixto (VI) con tinua eu emigro (nã pode é ser pó brasil ó pra angola camodos tem mais pistolame caqui)


    emmigrare nunca ....nem casejam só 2 alunos pur turma

    agente cá faz das tripas curação pa educari essa malta

    a ben da nacion 25 de ABRI sempre...

    aqueles con tratadus caforam prá noruega escalar bacalhau adeviam ter ficado nã era?

    mas adeviam ter-lhes dado era subsódio de desemprego pelus dois meses de aulas qweles deram em 2010....

    o pessoal do quadro adevia ter baixas obrigatórias

    mas essa canalha do governo
    tá a meter o pessoal com baixa de volta nas escolas

    assis os lugares nas salas de estudo e nas bibliotecas ficam chêas

    ondé cagente mete us alunos?

    já agora isto mudou outra vez de bisual?

    e us birus

    ResponderEliminar
  4. ora sagente agora nem consegue chegar ós 3000 eurros do 10º escalão

    e temos de travalhar inté ós 65

    metade do queu ganho agora dá....

    50% é 50/100=2 eurros só?

    adebes tar enganadu

    bou dar a conta ós putes quandu eles abierem de férias

    s'eles nã ativerem emigradu

    emigrantes que emigram são imigrantes quimigram ou sã só migrantes que se põem a mexer
    quando u subsídio acaba e o bilhetame d'avião tá mais em conta?

    s'estes gaijos emigram fico sem turma pá...
    temos de voltar a dar aulas à terceira idade

    ResponderEliminar
  5. pra nã emigrare inté tu pá podes vir tirar o 12º

    se já tiraste tiras de novo ...agora tem maias disciplinas nã tem é mais eça...eça é quessa

    ResponderEliminar
  6. ó home é só a pensão dele19/12/11 02:26

    a nossa fica na mesma...

    ora 16 milhões de contos dá quantu em dólares?

    acho que dá duas notas de 10...

    ResponderEliminar
  7. Parece que não é bem assim... http://avaria.no.sapo.pt/cv_ppc.pdf

    ResponderEliminar
  8. A culpa nem é bem dele, quando os pais estavam a dar a keka o preservativo rompeu-se, depois saiu esta marda. Temos de reclamar também junto da fábrica dos ditos.

    Em relação à besta em si, é mesmo besta, esta de mandar a malta emigrar só mesmo dum gajo derrotado, para além de medíocre, o que vale é que pouca gente o leva a sério. Que merda de governantes são estes que como incompetentes que são, não conseguindo encontrar soluções para o seu povo, lhe indica o caminho da rua. Merda para tal gente. Vão pró cara*********lho.

    ResponderEliminar
  9. Para o palhaço que publicou o CV dele, deves ser mordomo do gaijo, não?

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo