quarta-feira, fevereiro 22, 2012

A escolha natural do Partido Comunista Chinês


No final da Assembleia Geral da EDP, Eduardo Catroga afirmou que “Eu seria um candidato natural para um mandato como presidente. A minha escolha é uma escolha natural, e os accionistas, ponderando alternativas internas e externas, consideraram a mais acertada”.

Ainda bem que esta gente não sabe estar calada porque assim nos vão relembrando da vergonha que a sua existência representa para a justiça social, para a decência e para a hipocrisia reinante. É certamente uma escolha natural quando o Primeiro Ministro que negociou a venda da participação do Estado se chama Passos Coelho a quem tanto ajudou a fazer eleger. Também é certamente a alternativa mais acertada para os accionistas que têm um bom e agradecido amigo no poleiro do poder. Para ele ficam os mais de 40 mil euros mensais, para nós a factura da luz sempre a subir.

5 comentários:

  1. Lá teremos de nacionalizar esta e as outras, não vai demorar muito, vais ver.

    ResponderEliminar
  2. Com populismo e demagogia,
    muita mentira,verdade parece,
    mas em liberdade e democracia,
    o Povo tem o Governo que merece.

    ResponderEliminar
  3. A Mim Me Parece22/2/12 23:27

    Mas o Catroga ajudou a eleger o Passos Coelho com quê? Com a boca dos pintelhos? Pintelhos que fizeram com que fosse para o Brasil até terminar a campanha?

    ResponderEliminar
  4. É preciso lembrar que Eduardo Catroga também dá nas vistas na Aldeia da Coelha, em conjunto com Cavaco Silva e a pseudo-ex do (entretanto caído em desgraça) Oliveira e Costa.

    http://aeiou.visao.pt/a-aldeia-do-cavaquistao-artigo-na-integra=f585847

    ResponderEliminar
  5. Bem lembrado! Os chineses só tinham a ganhar!...

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo