quarta-feira, agosto 08, 2012

O Rei da desgraça nacional


Portugueses com prestações em atraso atingem novo máximo. Por hora, cinco famílias falham pagamento à banca, mais de 200 por dia.  708 514, este é o número de famílias portuguesas que já não consegue pagar os seus créditos à banca. Trata-se do valor mais elevado de sempre.

Parece que não há recorde  que não alcance e estatística que não comprove a destruição das famílias e do país liderada por este personagem. Mente, engana, inventa buracos e previsões sempre carregando em quem trabalha e menos tem poupando os mais ricos e poderosos enquanto lhes vende o país a retalho a preço de saldos.

1 comentário:

  1. Anónimo9/8/12 10:23

    O grande teórico das contas mal-amanhadas irá Atacar em breve.

    Mas o pequenote não acerta uma.

    Tem de ir a Exame à segunda época!

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo