domingo, agosto 19, 2012

Um filme animado para animar a tarde de domingo



A três meses da convenção e 13 anos depois da sua fundação, o BE prepara-se para renovar o núcleo dirigente e trazer para a primeira linha os dois deputados eleitos pelo Porto: João Semedo e Catarina Martins. Em declarações ao PÚBLICO, Louçã assumiu esta hipótese, classificando-a como “de grande consenso”, que une “a capacidade de diálogo” do médico Semedo e “a renovação geracional” da actriz Catarina Martins. Explicou que uma liderança bicéfala é mais indicativa do trabalho colectivo e, ao contemplar um homem e uma mulher, representa “a sociedade tal como ela é no século XXI”.»

Sempre será uma alteração esta de uma liderança bicéfala  após uma liderança que tantas vezes foi acéfala.

2 comentários:

  1. É interessante verificar que este modelo de liderança bicéfala é uma importação para a política dum modelo de gestão de empresas oriundo dos EUA. São várias as empresas portuguesas que têm um presidente da comissão executiva e um chairman: galp, pt, etc... No fundo a coisa só serve para multiplicar os tachos... Estes rapazes e raparigas do BE seriam uma anedota não fosse a infelicidade de os termos como deputados...
    A propósito de submarinos: já reparou que os custos das PPPs por ano, a partir de 2014 se não forem renegociadas, vão aumentar o equivalente ao custo de 3 a 4 submarinos por ano (mais de 2.800.000.000,00 €)? E se pensa que isto é mau, esclareço-o já que não é! E não é porque a dívida é para durar de 20 a 30 anos... a coisa é tão má, tão má, que até o xuxalista que preside ao tribunal de contas, não a conseguiu disfarçar no relatório que apresentou sobre as PPPs...

    ResponderEliminar
  2. O Bloco já pode ir preparando o seu jazigo pois está a caminhar rapidamente para a sua extinção. O Louçã lembrou-se agora dessas modernices do séc. XXI. Pena é ter-se esquecido de fazer essa liderança bicéfala enquanto lá esteve. Seja como for o Chico ainda conseguia assegurar algum eleitorado. Os outros não têm capacidade empática para "galvanizar" o eleitorado que se irá dispersar pelo PC e pelo PS.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo