terça-feira, novembro 13, 2012

O Senhor da austeridade


Finda a visita da Frau das Alemanhas cá voltamos à nossa vidinha e aos nossos personagens. Resolvi fazer o Gaspar porque já andava afastado aqui dos meus bonecos há algum tempo e é bom que nos lembremos sempre que ele existe e é responsavel por muita da miséria e fome neste país. É bom relembrar que é ele a cara da austeridade sem sentido, dos números sempre truncados e do afundamento do país.Como o Gollum estava obcecado pelo anel no livro do Tolkien, também este está obcecado pela austeridade, tudo em nome do défice. Isto é o que eles mostram porque na realidade o que está a fazer é a vender este país a patacos aos grandes interesses económicos e a criar uma sociedade de pobreza, sem estado social e em que só os mais fortes sobrevivem. Os mais fracos, esses ou morrem ou aceitam uma vida de pobreza e de trabalho sem direitos...enquanto aguentarem. Na Grécia quem está desempregado já perdeu o direito aos serviços de saúde. Nós vamos no mesmo caminho.

9 comentários:

  1. Penso que com certeza não se recorda do estudante de Paris.Foi este que assinou o acordo com a troika.
    Ou seja depois da merda feita os outros que a limpem.

    ResponderEliminar

  2. Este técnico de contas Falhou. E insiste autoritariamente no Erro.

    Mas, afinal, este homem está totalmente ao serviço da paraplégica alemanha.
    Tal como um Kapo, mantém a sua crueldade...

    Está na altura de reequacionar o papel destes 'técnicos do Sistema'.



    ResponderEliminar
  3. o anonimo não seja riduculo. estes são os que foram além troika custe o que custar. estes foram os que diziam que o povo não aguentava mais austeridade e por isso reprovaram o pec iv. não defenda o indefensavel informesse antes de escrever bacoradas. O BCE o FMI a própia merkel defendiam o pec iv mas a sede do pote e do poder fez com que estes trastes criacem uma crise polictica cagando nos interesses do povo

    ResponderEliminar
  4. "A credibilidade técnica de Vítor Gaspar foi um mito com pés de barro. Estimou que as receitas do IVA subiriam 11,6 por cento e acabaram caindo 2,2. Previu, em Março passado, que o encargo do Estado com o desemprego cresceria 3,8 por cento e, em Agosto, já ia em 23. O consumo público contraiu 3,2 por cento em 2011 e a Comissão Europeia estima que contraia 6,2 este ano. O consumo privado caiu 4,2 por cento em 2011 e a CE prevê que caia 5,9 este ano. E Gaspar ignora, quando orçamenta e taxa. E ignora o Tribunal Constitucional. E volta a ignorar, com arrogância e desprezo, o presidente da República e o próprio FMI. Ignora tudo e todos. E ignora o “melhor povo do mundo”, que esmaga com impostos em 2013."

    fonte blogue Aventar

    ResponderEliminar
  5. Vocês julgam que eles estão a fazer isto por incompetência,mas estão muito enganados!Eles sabem o que estão a fazer,e fazem-no com um objectivo: a europa vai-se desmantelar toda,o euro vai desaparecere haverá guerra,e enquanto não acontece eles sacam tudo o mais que puderem,quando acontecer eles todos terão um bom pé de meia para sobreviver e reconstruir a vida noutro lado qq.e estes lacaios de cá tb terão o seu soldo,pelo trabalho feito...

    ResponderEliminar
  6. Ao anonimo das 16.01 é uma pena algumas pessoas terem a memoria curta .....quando entravam milhoes por dia ou coisa assim vindas da então C.E.E. não souberam gerir o dinheiro ,que agora faz muita falta ,em vez de desenvolver o PAÍS com novas tecnologias para num futuro proximo PORTUGAL responder e competir com outros Paises ,não, estragou-se tudo ,não sabendo negociar em relação a pescas ,agricultura industria e afins ...pagou-se para não se trabalhar abandonando terrenos agriculas ,abatendo traineiras ,inventaram cursos fantasmas de milhoes que nada serviram ,a não ser para encher os bolsos a espertos ,foi a epoca dos geepes todo o terreno de luxo que serviam para passear os meninos e mostrar aos amigos ....contruiram-se esdificios para os "amigos " de milhoes e os contrutores eram os mesmos e muito coisa mais efim deram cabo de milhoes que agora são muito precisos ....vejam um dos maiores culpados desta crise ,e há mais procurem na net para avivar a memoria porque tem a mesma côr da camisola destes "MENINOS " deste desgoveno atual ...mas que agora culpam os outros para salvar a sua posição na pecima politica que estão a fazer em PORTUGAL ,que é de loucos NEO-LIBERAIS COM TIUES FASCISTAS

    https://docs.google.com/viewer?a=v&pid=sites&srcid=ZGVmYXVsdGRvbWFpbnx6ZW5pbnVtaXxneDo2MWEwYjk3MmRmMDUyMmQ4


    ANONYMOUS 14 *****

    ResponderEliminar
  7. já em tempos, por volta de 86, quando entrámos na cee, um tal Marques de Correia (acho eu) dizia numa crónica que o caminho era para Palermo e não para Bruxelas... tinha toda a razão. E ninguém é preso. Só isso demonstra bem o que valemos. Está tudo à espera dum d. sebastião.

    ResponderEliminar
  8. politico em todo o mundo só serve para mamar tem uma diferença fulcral europa/america enquanto na america tem que ter dinheiro para subir cá basta ter canudo da lusofona o pilim rouba-se ao povinho adormecido por novelas missas e futebol
    votem sempre nos mesmos que é para não ficar nenhum de fora de boas reformas e mordomias.
    não queiram nada com os comunas esses gajos comem criancinhas só tem piada que os de cá matam-nas á fome na russia antes da peres um operario ganhava tanto como um medico não era pago pela condição social mas pelo trabalho que desenvolvia OH pá isso cá não onde já se viu um senhor doutori que tirou o canudo sabe-se lá como ser pago dessa maneira? até se criam seguros para os medicos negligentes.

    nunca vi o cavaco dar nenhuma medalha a um operario que leva a vida a trabalhar no duro toda a vida em condições de insegurança (para insegurança basta o in-seguro) - trabalho infantil o puto de 10 anos que tem de trabalhar para sustentar a familia no desemprego o puto de 7 anos que faz novelas é um prodigio como actor.

    ResponderEliminar
  9. Há dois dias foi lançada uma maldição sobre o parlamento...vão ver que em breve ninguem lá quererá estar,ou ir... vai tudo fugir de lá...aquilo vai ficar assombrado,e decadentente até à ruina...não ficará pedra sobre pedra...

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo