domingo, novembro 18, 2012

Soltaram os cães


Além dos nove detidos após a carga policial no dia 14, dia da greve geral, a PSP está empenhada em efectuar mais detenções. Serão cerca de 30 os suspeitos a identificar e podem ser detidos nos próximos dias.

Podem largar os cães que o protesto contra este governo, a destruição do país e a condenação à pobreza de todo um povo vai continuar. Eu nunca atirei nenhuma pedra contra um polícia, sei que muitos que as atiraram, uns porque são gente violenta, (claques de futebol e coisas do género), outros por desespero, (gente que já perdeu tudo o que tem) e outros ainda por profissão, (policias infiltrados). Não creio que esse seja o caminho, mas perante tanta prepotência, tanta desfaçatez, tanta desumanidade já começo a ficar sem argumentos para mostrar alternativas. As noticias do dia mostraram a violência dos manifestantes e serviram para esconder a Greve Geral e justificar a acção da policia Mas a verdade uma vez mais veio ao de cima e já não conseguem esconder a presença de infiltrados a da sua acção entre os manifestantes, a brutalidade da carga policial sobre gente inocente, as detenções ilegais de gente que nem estava na manifestação e a premeditação planeada de tudo o que aconteceu para simplesmente acusarem os movimentos sociais. Agradeço ao governo o mostrar que os movimentos sociais os estão a incomodar realmente ao ponto de os querem incriminar e combater. Agradeço por estarem a mostrar que vale a pena o esforço a a participação nesses movimentos pois são eles quem realmente coloca em causa o seu poder. Não nos vão parar, não nos vão amedrontar e muito menos nos vão vencer porque a razão nunca se calem nem pode ser derrotada. Este país é de todos e não pode ser roubado e o seu povo escravizado e condenado à miséria. Dizemos não hoje e não nos calaremos. Os FdP cairão mais cedo ou mais tarde.

11 comentários:

  1. Muitíssimo bem retratado!
    Os cães ferozes vêem do governo que nunca mais cai, as ordens também!

    ResponderEliminar
  2. Efetivamente já não há mais paciência para aturar esta merda de filhos da puta que nos governam. Só tenho pena de não viver em Lisboa para participar em todas as manif's que se façam. Seja de forma civilizada, que eles não merecem, seja a atirar pedras. Partir património aos bancos e às seguradoras terá de ser o futuro. Não tenho de andar a tirar ao meu filho para andar a dar a esses filhos de puta de banqueiros, que vivem no mundo da lua. Puta que pariu esta merda toda. Vivemos no melhor dos países, mas infelizmente governados pelo pior da política. Há que alterar isto e rápido, porque senão morremos todos. E neste caso, morrer por morrer, que seja para deixar aos vindouros uma vida decente. Não há mais paciência. Completamente farto desta merda toda.

    ResponderEliminar
  3. O futuro vai ser assim.Eles a elite cada vez mais nos vão escravizar,apertar,explorar,torturar.Só há um caminho ou eles ou nós!Quem não sabe disso ou tenta arranjar alternativas está mt enganado!Isto que estou a dizer está escrito e profetizado há milhares de anos,ninguem pode alterar as coisas!
    Vem aí tempos muito maus,principalmente aqui na Europa...
    Toda esta situação vai degradar-se e piorar mes a mes,dia a dia,será um caos.Eles sabem bem disto e já tem tudo preparado para o que vem....

    ResponderEliminar
  4. Não sei se viram ontem, aquela besta do comentador Pedro Marques Lopes, no programa "Eixo do Mal", a considerar este ministro da administração interna como fantástico; os polícias de choque como sensacionais; e a qualificar de energúmenos todos os manifestantes.
    A única coisa que eu espero para a besta do Pedro Marques Lopes, é que seja levado pela polícia, numa dessas suas noites de bebedeira (ou droga) e que ele perceba melhor aquilo que é a polícia.

    ResponderEliminar
  5. Apoiado ao comentador das 16.07!

    ResponderEliminar
  6. Incendiar as dependências das Finanças pode ser um princípio, mas não um fim.
    Sim, Pedro Marques Lopes, é seguramente uma grande besta.

    ResponderEliminar
  7. é paleio e mais paleio, apenas, só treta, enquanto não chover balásio nos cornos dos ladrões que nos roubam há décadas, centenas de anos .

    ResponderEliminar
  8. AMANHÃ NO PROS E PROS (CONTRAS) O TEMA É UNIVERSIDADES

    PERGUNTA


    - IRÁ LÁ O RELVAS????


    AH AH AH AH

    ResponderEliminar
  9. Pedro Marques Lopes é uma besta quadrada!

    apoiado.

    ResponderEliminar
  10. 1) Durante meses prometem violência. Apelam para a revolta. Garantem que vai ser pior que a Grécia.
    2) Quando a  violência chega e meia dúzia de manifestantes passa à prática os apelos de bispos eméritos e militares aposentados os desejosos da revolta declaram que não têm nada a ver com ela.
    3) Este não ter nada a ver com a violência é uma expressão que em Portugal se traduz por estar ao lado de quem a pratica, gritar os mesmos slogans mas não levantar um dedinho para que essa violência termine. Terão medo que se vire contra eles? Afinal se os violentos eram tão poucos e os não violentos tantos porque não fizeram nada estes últimos para acabar com aquilo? Ou a sua não violência só lhes permite assistir à violência exercida sobre os outros? Enfim seja como for em qualquer situação de risco é de fugir deste grupo dos “eu estive lá ao lado dos violentos, estava contra o que eles faziam mas lá fiquei na mesma sem lhes dizer nada” porque ainda são são assustadores na sua refinada hipocrisia que os violentos
    4) Horas depois concluem que afinal toda aquele insurgência foi obra de provocadores e infiltrados. Ora aí estava mais uma razão para os terem impedido de durante duas horas agredirem a polícia. Pegavam-lhes pelos bracinhos e levavam-nos à esquadra mais próxima. Ficavam logo em casa.
    5) Nenhum dos detidos esteve envolvido na violência. – Aqui nada de novo em nenhuma manifestação, ajuntamento, cena de pancada, incidente, confronto… alguma vez foi detido ou incomodado um dos envolvidos. Estes como se sabe possuem o manto da invisibilidade e esfumam-se assim que a polícia intervém ficando em seu lugar um grupo de escoteiros que estava a atravessar velhinhas na passadeira.

    ResponderEliminar
  11. Boa!Bem visto!

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo