segunda-feira, novembro 27, 2006

Comentadores de Portugal - Josá António Saraiva

Quem melhor para acabar esta série sobre os comentadores que pululam neste Jardim à beira-mar plantado que o José António Saraiva. Director do Expresso até se transfigurar no criador e director do seu arqui-inimigo "Sol". Convencido que é Senhor do conhecimento pleno, tanto do presente como daquilo que ainda não o é, considera-se ainda como o maior merecedor de um Nobel que teima em não lhe ser dado. Presunção e água benta, cada um toma a que quer.

Contribuição para o Echelon: Kwajalein, LHI

14 comentários:

  1. Ó kaos experimenta lá esta coisa, depois vai ver como é que está no ContraCapa. Sempre é uma maneira de estarmos mais "perto", quando calhar.
    É giro.
    Convém é ter aquela outra coisa (a palavra coisa serve para tudo, quando não se percebe da coisa ...lolol ...) que indica, no momento, o número de presenças no blog. Assim perecebe-se se vale a pena entrar em chat. Se não quizermos entrar com o nosso nick, podemos entrar com outro.
    http://gabbly.com/http://wehavekaosinthegarden.blogspot.com/

    Levei isto ontem para o ContraCapa ... foi uma festa.

    Beijocas.
    Boa Semana para Ti.


    beijinhos ao amarcord !

    ResponderEliminar
  2. percebe-se (enganei-me, ... sorry)

    ResponderEliminar
  3. Diana:
    Obrigado Diana, já lá vou dar uma olhadela.
    bjs

    ResponderEliminar
  4. O nobel da patacuada, talvez?!ou da presunção também lhe assentava que nem uma luva.
    Há figuras que tolero e outras que nem por isso. Acho que este é um desses: :)
    Das tuas figuras isso sim, uma festa para o nosso olhar!
    jinhos

    ResponderEliminar
  5. além de todas as outras qualidades convirá que não esquecer que é um homem-de-mão da opus dei....
    abraço

    ResponderEliminar
  6. Olá Kaos! Este fim de semana estive afastaco da net e por isso não pude ver mais uma fantástica série de comentadores. Hoje já a pude ver com atenção e está fabulosa!! Quanto a este senhor, acho que ainda se vai queimar no seu próprio ego...
    Um Abraço.

    ResponderEliminar
  7. tb:
    Ainda cheguei a comprar o Sol no inicio, mas aquilo é um expresso em versão correio da manhã.
    bjs

    ResponderEliminar
  8. luikki:
    Vendeu-lhes a alma para ter dinheiro para fazer o jornal. (isso se tem alma, porque se calhar vendeu muito mais coisas).
    abraço

    ResponderEliminar
  9. outsider:
    Obrigado. Penso que com o tempo já pouca gente lhe dá crédito.
    abraço

    ResponderEliminar
  10. Este é o homem que anunciava um jornal verdadeiramente novo!

    Escolhido o título, "SOL", logo se verificou que é sol de inverno, pouco aquece e raramente deixa de estar encoberto por nuvens.
    Um fracasso total, mistura de CM e de Independente da Unês Serra Lopes.

    Jorge G - o sineiro

    ResponderEliminar
  11. O boneco está fabuloso como toda a série «comentadores» mas o que me encheu completamente as medidas foi a tua descrição do Sol como «um expresso em versão correio da manhã».
    LOLOL

    Ma-gní-fi-co!!!
    :))

    ResponderEliminar
  12. jorge:
    Li os primeiros numeros e fiquei realmente sem vontade de ler mais. Parece o jornal crime com a mania que é para gente bem. Uma perda de papel. A unica vantagem é de ter blogs e arquivos para fotografias gratis na net.
    abraço

    ResponderEliminar
  13. emiele:
    Mas é isso mesmo. tem os crimes, os acidentes, as fofocas e as vip's de chinelo todas sorridentes. Só lá faltam noticias e bons artigos de fundo.
    abraço

    ResponderEliminar
  14. Com tanto Sol ainda vai ficar esturricado...

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo