quarta-feira, novembro 19, 2008

Interrupção Voluntária da Democracia

IVD

«Eu não acredito em reformas quando se está em democracia, quando não se está em democracia, é outra conversa, eu digo como é que é e faz-se; e até não sei, se a certa altura, não é bom haver seis meses sem democracia, mete-se tudo na ordem e depois então, venha a democracia», afirmou a líder do PSD, Manuela Ferreira Leite.

Ela fala e ou entra mosca ou sai merda. Moscas que,com este frio, não há muitas.

19 comentários:

  1. LOL....


    mas ela tem rzão: é o que sócretino faz ;)

    ResponderEliminar
  2. Eu penso que ela queria dizer "meia hora à Salazar". Saiu-lhe seis meses.
    Falando a sério, talvez a ideia da senhora não seja assim tão má, pois se democracia é o que temos, a ditadura não pode ser muito pior. Fica a ressalva da liberdade de opinião, que, embora limitada pelo poder vigente, ainda é garantida.
    No contexto em que foram proferidas estas palavras, pode dar-se um desconto à senhora e dizer-se que se tratou de uma ironia. Mas, sinceramente, penso que foi um lapso freudiano, ou seja, disse aquilo que pensa, embora não o devesse ter dito.
    Não vamos mais longe. A senhora tem todo o ar de democrata, aliás, como tão bem demonstrou no exercício de poder absoluto nas Finanças... Era absoluto, mas democrático. Julgo que ainda conseguimos piorar em relação ao Sócrates: era eleger esta figurinha como PM.

    ResponderEliminar
  3. Que triste país onde a alternativa é entre o sócrates e a manuela azeda o leite!

    ResponderEliminar
  4. Ontem foi a manuela ppd, hoje é o banco de Portugal, presidido por um predador que define o seu salário de milhares de contos - não são euros, são contos dos antigos - que vem dizer que o desempregados se mantêm no desemprego, logo não querem ter trabalho, devido ao GENEROSO subsídio de desemprego!!!!

    ResponderEliminar
  5. A Mim Me Parece19/11/08 17:54

    Imb

    A mim parece-me que Victor tem toda a razão no que disse desta vez. E disse-o porque lhe convém a ele e ao Sócrates que o diga. Porque alguém deveria dizer o que ele disse para iriçar os pelos dos que recebem esses generosos subsídios e daqueles que não os estando a receber equacionam que amanhã talvez deles beneficiem. Para que o Sócrates os venha acalmar com a garantia de que tal não acontecerá. Como as oposições não querem pagar a factura de denunciar a situação denuncia-a o victinho sabendo que nada de mal lhe acontece por isso.

    ResponderEliminar
  6. Simplesmente maravilhoso, este blog, tenho pena de só o ter descoberto hoje,consegue materializar o que se vive neste momento no nosso (triste ou carnavalesco) país, já não sei... Com muito talento cheio de reflexão e bom humor que é o que precisamos para ir levando....Parabéns e obrigado.

    ResponderEliminar
  7. As elites a pensarem pelo nosso bem.Vde a gajada do BPN,BCP e quejandos e verem donde vêm eles....Ainda não viram?

    ResponderEliminar
  8. kaos,
    peço desculpa mas por uma vez estou de acordo com a Manela!!!! Mas sei que já não estamos de acordo com o que deveria ser feito durante a interrupção...
    Coyote

    ResponderEliminar
  9. Com o "D" ou sem o "D", não há PS que me convença, e continuo a votar em branco.
    Cumps

    ResponderEliminar
  10. Kaos, desta ves esmeraste-te. Está brutal!!! Espectáculo.

    Já agora, não seria possivel acabar antes com os politicos incompetentes corruptos durante 100 anos ???!!!


    Isso é que era engraçado!!

    Só mais uma coisa quando ela fala não entra mosca. É só mesmo a segunda opção!!!

    ResponderEliminar
  11. A imagem está fantástica, e vai ser o meu tema do texto de caixão à cova de hoje.
    Falei e disse.

    ResponderEliminar
  12. Para ajudar a equilibrar o defíce - que também contribuiu para o seu crescimento -, será que dá exportarmos esta pérola da "política" ?

    ResponderEliminar
  13. Se vocês acreditam que existe uma democracia em Portugal, deixem-me dizer-vos que para ingénuos nada vos falta. De nada interessa a merda da liberdade de opinião, se essa liberdade não levar à acção. É assim que estamos, pensamos que há democracia porque andamos aqui a dizer umas coisas, umas vezes não nos impedem (outras sim, até a blogosfera portuguesa é exemplo disso, todos vocês sabem). Mas de acção, nada. Mantemo-nos na lassidão e no marasmo à espera que a democracia nos caia em cima um dia, mas ela não cai. Se Salgueiro Maia fosse vivo, se calhar pegava nos militares e mudava esta merda toda outra vez. Somos um povo resignado e apático ou então muito bem enganado.

    Espero que não precise de explicar mais, acho que todos têm cabeça para pensar e não deixar que pensem por nós.

    Esta pérola da política... é o resultado da nossa democracia que cuja existência tanto se quer mostrar. Porém, digo-vos também que se alguém, contra tudo e contra todos, pegasse nesse lodaçal a que chamam país e lhe fornecesse uma Justiça (sim, com J maiúsculo) de acordo com o artigo 13º da Constituição de 1976, eu seria o primeiro a aplaudir.

    Ou então esse alguém terá que ser um de nós.

    Leiam a Constituição da República Portuguesa, não é preciso dizer mais nada. http://www.portugal.gov.pt/Portal/PT/Portugal/Sistema_Politico/Constituicao/constituicao_p02.htm

    ResponderEliminar
  14. http://www.portugal.gov.pt/Portal/PT/Portugal/Sistema_Politico/Constituicao/constituicao_p02.htm

    ResponderEliminar
  15. Uma vez que não consigo colocar o endereço, procurem vocês no Portal do Governo.

    ResponderEliminar
  16. Nessa leitura da CRP sugiro atenção redobrada no artigo que regula o acesso à função pública e que se analise o que aí vem (já a partir de Janeiro de 2009) sobre este assunto... é um verdadeiro golpe de Estado feito pelos xuxas do engenheireiro.

    ResponderEliminar
  17. A publicação em Diário da República dos concursos de pessoal deixou de ser obrigatória.
    Porreiro.
    Serve a todos os que à sombra da bananeira mamam no teta dos contribuintes. Ou seja a todos os partidos políticos deste sistema de merda.

    ResponderEliminar
  18. Muito ingénuos são vocês se acreditam na nossa democracia e nas palavras de MFL...

    ResponderEliminar
  19. Sempre é mais de 9 vezes mais democrática que o SóCretino. É verdade! Ela só fala em suspender a democracia 6 meses. O SóCretino suspendeu a democracia 4 anos e mais de 6 meses! Como diria o outro, é só fazer as contas.

    ResponderEliminar