sexta-feira, maio 29, 2009

Outdoors cá do Jardim - Laurinda Alves

outdoor MEP

Quem anda pela rua não consegue ir a lado nenhum sem lhe surgirem pela frente outdoors por todo o lado. Os partidos mais ricos não deixam escapar qualquer nesga de paisagem ou estrada para colocar mais um. Mesmo nesta floresta, outros há que também conseguem plantar os seus Outdoors. É o caso do MEP, um partido novo e que tem como cabeça de cartaz a Laurinda Alves (Aquela senhora que andou por aí a dizer horrores quando do referendo sobre a interrupção voluntária da gravidez). Para mim é uma personagem de que não gosto, sempre com aquele ar de santinha, mas que não esconde uma arrogância e um puritanismo obsessivo. Claro que há sempre aquela ideia de que se fosse eleita ia para o Parlamento Europeu e nós ficávamos livre dela por cá, mas por outro lado é a imagem de Portugal que ela transportaria para Bruxelas. Aqui fica a minha versão do seu outdoor.

5 comentários:

  1. Zé Muacho29/5/09 18:19

    Caro amigo,

    Adoro campanhas eleitorais!

    No entanto, desconhecendo a razão, a imagem que me vem à cabeça é a de um corso carnavalesco realizado ali para os lados da “porcalhota”.

    Eles são grupinhos, por todo o país, de gentinha com uma máscara veneziana de alegre hipocrisia colada no rosto, mão estendida, tentando comprar vontades com palavras ocas que nem o vento se incomoda em levar...

    Eles são bandeiras e bandeirinhas, bombos à frente, por vezes até gigantones, sempre palhaços no meio, cantor “pimba” atrás... eles são sacos de plástico, isqueiros e esferográficas profusamente coloridos pelas cores da heráldica por quem se tentam vender...

    Eles são beijinhos repenicados nas criancinhas por mais ranhosas que sejam, abraços apertados ao Zé mesmo que não se lave há meses, o passo de dança com a Maria que o goza, a pose do braço dado com a velhinha desdentada que fica sempre bem nas televisões, até festa em cão sarnoso que se aproxime...

    Não digam que tanta alegria e fraternidade não são bonitas, que não alegram o país.

    Infelizmente, depois, vêm sempre as quartas-feiras... o carro reluzente que transporta no conforto dos estofos de pele e ar condicionado uma qualquer excelência que, ao passar pela vida dos Zés e Marias que bajulou, nem se incomoda a olhá-los.
    Zé Muacho

    ResponderEliminar
  2. João Antunes29/5/09 18:46

    O MELHOR DEPUTADO PORTUGUÊS NO PE
    Uma adivinha: Quem é o melhor deputado português no Parlamento Europeu? Damos uma pista: é economista e é mulher. Se ainda não sabe vá ver a classificação por mérito feita pelo parlorama.eu:
    http://www.parlorama.eu/en/european-deputies-portugal/0-0-0/

    ResponderEliminar
  3. Zé Muacho:
    Realmente é um autentico carnaval mas com o defeito de os cabeçudos sermos nós. O melhor mesmo é levarmos isto a brincar que para coisas sérias já basta a vida que nos impôem

    João Antunes:
    Parabens à senhora, mas infelizmente tanta competencia em nada altera as decisões europeias nem o mal que de lá vem para o nosso futuro. Um caso em que quanto menos fizerem melhor

    ResponderEliminar
  4. Então esta era daquelas que ia ou mandava as filhas a Badajóz para fazer os desmanchinhos da praxe, logo vi, a carinha da gaja não me era estranha.

    Abraço

    ResponderEliminar
  5. Brilhante Mestmo. é exactamente a ideia que transmites a que tenho desta senhora... a de uma falsidade e hipocrisia tremendas.
    Enfim, a política em portugal é uma completa bardajonice que não tem ponta por onde se pegue... Porque não nos salva o senhor medina carreira... ao menos teria onde colocar o meu voto em confiança... de resto é o que se vê. Domingo fico em casa com a família. portugal ha-de morrer aqui mesmo , á beira mar plantado.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo