quarta-feira, outubro 21, 2009

Caim

 Caim

Goste-se ou não da pessoa, goste-se ou não da escrita, quem não gosta nada é a igreja. Zangam-se, e zangam-se porque sabem que o que ele analisa de forma racional, lógica e cientifica o seu livro sagrado e facilmente mostra exemplos de como aquele Deus, que o homem criou, é cruel e mau. As contradições e discrepâncias são mais que muitas e facilmente evidenciadas. Contra isto, tudo o que a igreja pode argumentar é a Fé cega e irracional. Por isso se zanga, como sempre se zangou quando alguém a ousa questionar. Que se zanguem, mas não chateiem.

17 comentários:

  1. O que ele disse está incorporado numa estratégia de marketing e de publicidade ao seu novo livro .
    Já assim é a vários anos ,e todas as novas publicações que lança manda um desses comentários .
    Umas das ultimas é que devíamos ser uma província da Espanha.
    É bem jogado pois todas as vezes que ele diz isso tem os seu tempo de publicidade gratuita .

    Podem-me chamar muita coisa ao homenzinho mas não de tolo ele não é , ainda mais agora que ele não paga imposto a Espanha há 4 anos é necessário vender livros !!!

    ResponderEliminar
  2. Como ateu estou-me cagando para esta merda toda, para mim que se matem e esfolem uns aos outros. Mas sempre vou dizendo que quando se toca nestas coisas da fé, é do caraças, e não vamos excluir nenhuma, são todas a mesma merda. Desculpa Kaos a linguagem ser demasiado dura, mas porra, temos ou não temos liberdade de expressão? Se o Saramago interpreta a bíblia assim é lá com ele, mas também digo, para quando o dito escrever um livro a descascar no maomé? Será que tem a mesma coragem? Ou será que este é imaculado.

    ResponderEliminar
  3. Pois....
    O que a Igreja não gosta é do despudor com que Saramago os desmascara.
    Ele usa as palavras para vender os seus livros.
    A Igreja cai na esparrela e ajuda à festa.

    ResponderEliminar
  4. Não sei se é marketing. Pelo menos parece.

    O Deus que aparece no Antigo Testamento não é o mesmo que aparece no Novo.

    Saramago lembrou-se de ler a Bíblia e descobriu a pólvora.

    Como uma criancinha que descobre que tem pila, começou a brincar.

    Revela profunda ignorância. Podia ler uma Bíblia anotada, para perceber o que não percebe.

    Qualquer pessoa medianamente culta sabe o que é a Bíblia, como se compuseram os seus livros, em que contexto histórico foram escritos. Qualquer pessoa sabe que esse Deus nem sempre é bom e misericordioso.

    Saramago deve pensar que viu o que todos os outros cegos não viram.

    Faz figura de ignorante. E como escreve mal que se farta, produz lixo.

    Mas vende. E para ele e para a sua adorada espanhola, é bom...

    ResponderEliminar
  5. A merda destas colagens está cada vez mais disparatada e sem jeito.Ó amigo,não tem outro ofício? Azar nosso...

    ResponderEliminar
  6. Ó ignorância! A bíblia é um livro sagrados para muitos. O Tanak -a bíblia dos judeus, corresponde, grosso modo, ao antigo testamento dos cristãos. A bíblia cristã tem a biblia hebraica mais o novo testamento.

    Há mais de 1000 igrejas cristãs registadas e há 3 correntes no judaismo. Quando falam em igreja (=reunião) estão a falar de quê e quem? Sinagoga, o templo dos judeus tb quer dizer reunião!

    Penso que só pessoas mal educadas insultam os outros pelas suas crenças -sejam elas religiosa ou não religiosas. Quem ataca alguém pela sua religião/falta de religião é um taliban, um fanatico, em suma, um idiota!

    Já tentaram convencer alguém insultando? Claro que não funciona -cada um fica na sua e houve apenas uma peixeirada.

    ResponderEliminar
  7. Não me interessa nada o que Saramago pensa sobre Deus ou a Igreja.

    Cada um tem o seu umbigo...

    Apensas acho ridículo que alguém ache que descobriu a pólvora aos 80 e alguns anos.

    Quem não sabe que o Antigo Testamento está cheio de guerras, violências, ódio, escravatura, incesto, etc.?

    Saramago vem falar disso como se tivesse sido o primeiro a descobri-lo...

    ResponderEliminar
  8. zé do boné22/10/09 15:06

    1. Saramago paga impostos em Portugal: como bom português registou a sua residência oficial/ fiscal na sua pátria . E ponto final escusa o anónimo das 15:03 de se armar em parvo.
    2. A Bíblia, em especial o velho testamento, de onde Saramago tirou o tema para o seu "Livro Caim".Não é só património das Igrejas quem têm como como inspiração o cristianismo, mas também da Judaica e Islamita.
    -Por tanto Saramago, quando escreve sobre o velho testamento não se refere em especial aos católicos ou cristãos mas a todas as religiões do Livro.
    3. Saramago sabe muito bem distinguir um livro do outro. Até sabe, que estes livros foram censurados pelas respectivas igrejas, naquilo que lhes dava jeito.
    -À que desmistificar o embuste que a Bíblia é.
    -Sem lhe retirar valor como instrumento de estudo e de busca do nosso passado "histórico" colectivo.
    NB:
    Escrevo Histórico porque existe temas históricos nesses livros embora haja muito de fábula.
    Acabo com um Viva Saramago e a sua capacidade de desassossegar os beatos e beatas e outras baratas e ratazanas de esgoto.

    Ah grande Saramago.

    ResponderEliminar
  9. Sr. Ze do Bone:
    Tiro-lhe o chapeu!! Finalmente alguem escreve um comentario com lucidez e conhecimento.

    ResponderEliminar
  10. proponho que o Obama e o Saramago troquem os prémios Nobel, até porque a prosa do saramago está para a literatura como o canto do Zé Cabra está para a ópera.

    ResponderEliminar
  11. Saramago escreve bem.escreve melhor que o ressaibado e invejoso Lobo Antunes.O Pulido Valente apesar de ter uma licenciatura ou doutoramento não chega aos calcanhares a não ser a emborcar copos e a ser malcriado nos restaurantes onde vai emborcar...
    Se a humanidade vem de 2 sres Adºão e Eva então é logico que houve incesto comó caralho,srs. crentes!Mortes a rodos para o deus ficar contente.O velho tesyamento é comum aoJudaísmo,Cristianismo e ao Islamismo donde se chamam religiões abraâmicas e,há 'jornalistas' a clamarem q Saramago se atira às 2 religiões.A manipulação não tem limite e, a porcaria é escatológica.E os 'especialistas' que se espraiam por aki são uns pobres de meninges e muito reles assim, como aqueles q diziam da existência de armas de destruição maciça.Agora,são todos democratas,fascistas,racistas,oportunistas e toda a ralé da espécie humana e,há os comunistas!Curioso,não é?Pq será?Quantas não houve/rá à pála do deus?
    Dinheiro.

    Vão ler o livro do jornaleiro das orelhas grandes sobre a al qaeda e a sua origem satanica esquecendo-se de quem os formou e que agora tem 800 bvases espalhadas pelo mundo.Vão para a merda,seus fascistas envergonhados-
    É fraquinho o painel de fascistas e beatos bufos a praguejar contra o Saramago-ah! se houvesse a Santa (sic!) Inquisição.

    ResponderEliminar
  12. O Saramago não chega aos calcanhares dum Soeiro Pereira Gomes, nem sequer da obra inacabada, quanto mais da acabada...

    Não gosto do Saramago não é por ele ser comunista, estalinista, ter a Casa dos Bicos por conta dele sem pagar nada, por ser contra os católicos, os muçulmanos, os judeus, os americanos, os marcianos, qualquer outro tipo de ET, ou coisa que o valha!...

    Na realidade não gosto do Saramago não é por ele já ter dito mal de toda a gente, menos dele próprio!

    Não. Não. Definitivamente não gosto do Saramago porque como escritor pura e simplesmente é uma merda. Como também é uma merda o Lobo Antunes. Basta comparar com: o Soeiro Pereira Gomes, o Bernardo Santareno, o Jorge de Sena, o Fernando Pessoa, o António Aleixo, o Eugénio de Andrade, só para falar de portugueses do século XX... e todos sem o peso do Nobel às costas.

    Não gosto de um artista só porque o comité Nobel decidiu que ele é bom. Na realidade foram mais as decisões erradas do que as acertadas até hoje... Kipling, Yeats, e mais meia dúzia, são honrosas excepções que se aproveitam da lista dos laureados, como o tempo sabiamente se encarrega de o demonstrar, remetendo ao esquecimento os sucessivos vencedores do prémio… e para onde – se não fossem estas declarações inflamatórias do José, mas com grande alcance publicitário e comercial, e cinicamente capitalistas – também o «nosso» Nobel já teria ido.

    Por último, e ainda por cima, o José até nem é muito inteligente. Quem é que no seu perfeito juízo perde tempo a ler uma merda que não vale um caralho – a Bíblia - para vir mais uma vez dizer mal dela?!?!????...

    Haja alguém que lhe diga para ocupar o seu tempo de forma criativa! Por exemplo podia inscrever-se nas Novas Oportunidades e tirava um curso de Português… Ainda acabava como Professor Titular, ou pelo andar que as coisas levam, como Ministro da Educação do 3.º Governo Sócrates.

    ResponderEliminar
  13. se a igreja se preocupasse em ajudar os necessitados realmente não é com ajudas da treta, em vez de ao longo de séculos andar mas é a colectar ouro, jóias, massacrar, desculpem evangelizar indígenas. É difícil mas basta ver reportagens de dentro do Vaticano onde impera o ouro e tudo de excelsa categoria, onde mora o rei da moral cristã a quem chamam de papa.

    ResponderEliminar
  14. Pior que a merda da Igreja, só mesmo os comentários dos trogloditas que não sabem o que ela faz...

    ResponderEliminar
  15. Bom, o amigo Saramago aqui há uns tempos defendeu que Portugal deveria unir-se com Espanha e formar a Ibéria.

    Lá porque ele casou com uma espanhola, quer dizer, agora tínhamos nós que levar com os espanhóis todos?!

    Saramago tem este problema de visão que o leva a ver só de um olho, por vontade própria.

    Excede-se. Nem tanto o mar nem tanta a terra. Porque o homem até foi educado como católico e se questiona aquilo que leu é porque no fundo até se revê nalguma coisa. Mas era escusado ser tão gratuito nos insultos.

    E, afinal, de que nos adiantaria um Deus perfeito se nós também não o somos?

    Lá esperto é ele... agora anda toda a minha gente a comprar o livro...

    ResponderEliminar
  16. Triste homem que mesmo depois de ter sido laureado com um prémio Nobel é obrigado a fazer estas tristes figuras.

    Será a espanhola que o obriga a fazer isto ?

    Se é, então acho que estamos perante um caso de policia. Creio que ela está a tentar vingar-se da padeira de aljubarrota, aproveitando-se da debilidade mental dele ...
    Como português não me sinto bem perante esta situaçâo...

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo