segunda-feira, novembro 30, 2009

O Karl Marx do capitalismo

O karl Marx do capitalismo

Teixeira dos Santos vai vender activos e créditos tóxicos do banco a empresas de recuperação e com a reprivatização recuperar uma parte das perdas, contabilizadas em dois mil milhões de euros. Quais são os custos da nacionalização do BPN para os cofres do Estado? "Não estou em condições de quantificar", afirmou o Ministro.

É o Marxismo na versão capitalista em que os cidadãos, que já foram roubados uma vez pela ganância do grande capital, acabam a pagar de novo o valor do que lhes foi roubado. Eles roubam, nós pagamos.

1 comentário:

  1. ..."Teixeira dos Santos vai vender activos e créditos tóxicos do banco a empresas de recuperação e com a reprivatização recuperar uma parte das perdas, contabilizadas em dois mil milhões de euros. Quais são os custos da nacionalização do BPN para os cofres do Estado? "Não estou em condições de quantificar", afirmou o Ministro."...

    Caro Kaos, só gostava é de saber qual foi o motivo que levou à nacionalização deste banco, bem como as ajudas ao BPP, então se todos os dias há falências de empresas de toda a dimensão e feitio, essas sim, criam riqueza não vivem de explorar os que a produzem, porque é que os Estado então também não as nacionaliza???
    Qual será o mistério que está por detrás destas nacionalizações há pressa e depois destas desnacionalizações às três pancadas???
    Que segredos tentam eles esconder, será justo que um país que está nos limites da miséria, se ande a pagar buracos de bancos de gente que se meteu (pelos vistos) em valentes trapalhadas e agora que deu bronca, são os totós de sempre a pagar, que merda de "democracia" é esta???
    É sempre o mesmo solidó, eles roubam, nós pagamos.
    Já não há um mínimo de vergonha neste quintal, andam milhares (milhões?) e milhares a passar fome, para depois uns doutourecos quaisquer, nos sacarem tudo até à medula???
    POVO DE MERDA, É ENRABADO E AINDA GOSTA!!!???
    Deviam ser todos empalados!!!
    Cumprimentos.

    LUSITANO

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo