terça-feira, fevereiro 16, 2010

O último reduto

 El Alamo

2 comentários:

  1. Caro
    Kaos,
    Permita-me que apresenta a minha modesta opinião sobre este "Alamo" de S. Bento.
    Não acredito que Sócrates caia neste momento, mesmo aqueles como Alberto João Jardim, que dizem que o PS tem de continuar na direcção do Governo o que há é que mudar de 1º Ministro, estão, a meu ver, completamente errados, senão vejamos: economicamente o país está de rastos, ao contrário das fantasias de Sócrates - mas, também já estamos habituados a essa conversa - a Economia não melhora e prova disso é o continuo aumento do desemprego, ora, isso é um conceito muito estranho, a "Economia melhora com o aumento do desemprego"???
    Poderá, eventualmente, neste ou naquele nicho haver uma pequena melhoria, mas, não sejamos tolos, menos emprego conduz a menos receitas e mais encargos para o Estado e diminuição do poder de compra desses novos desempregados, assim como é que a Economia melhora???
    Continuando na minha análise, quais seriam as consequências da queda do Governo???
    Em primeiro lugar, seriam pelo menos mais 3 a 6 meses de interregno sem que nada fosse feito para travar a erosão económica do país, depois, o que pensariam os nossos parceiros da UE, que ao fim de 3 ou 4 meses de governo, mandava-se o mesmo abaixo, ter-se-ia transformado Portugal num manicómio em auto-gestão???
    E quanto a Cavaco Silva, que papel encarnaria? Uma espécie de vingador alado em defesa do povo descontente com Sócrates???
    Na situação de pelintrice e pedinchisse em que nos encontramos, em que, caso não entrem aqui todos os dias umas dezenas de milhões de euros emprestados, nós morremos à fome, quem é que garantiria aos "emprestadores" o retorno dos empréstimos, seria eu, o Amigo Kaos, quem???
    Mais, será que a política se rege por sentimentos pessoais, mesmo que de milhares ou milhões de pessoas???
    Penso que não, assim, o PR não tem outro remédio senão manter Sócrates e este, que apesar de tudo não é parvo nenhum, aproveitar-se-á dessa "fraqueza" de Cavaco Silva e reinará a seu belo prazer, o mesmo é dizer, à vontade dos Senhores que mandam efectivamente cá no quintal.
    Estou plenamente convencido que existe uma estratégia muito bem planeada para arruinar Portugal como país e acima de tudo como Nação, que se procura fazer pagar ao povo português a defesa que abstinadamente fez do ex-Ultramar, cobiçado desde há muito pelas grandes potências, EUA, a ex URSS, a China, e o exemplo está em ver quem é que lá está hoje instalado.
    Poderá parecer estranho, mas ospoderosos nunca se esquecem da resistência, que os anões como nós, possamos fazer às suas ambições.
    Apesar de tudo, penso que o pateta do Marcelo Caetano, um homem que nem era carne nm era peixe, foi o principal desencadeador da triste situação a que chegámos, nomeadamente quando começou a destruir as instituições que ainda traziam algum sentimento patriótico aos portugueses, diminuindo-lhes o respeito e a obrigação para com a Pátria.
    (Não se iludam aqueles que dizem que o patriotismo é uma idiotice, ou que está fora de moda, se nós não zelarmos por aquilo que é nosso, quem zelará???)
    Claro, que havia de estabelecer uma democracia, mas uma verdadeira, e isso é mais díficil de que encontrar uma agulha num palheiro, vejam ao redor do Mundo o que se passa em tais regimes "democráticos", é só falsidade e oportunismo.
    Quem acredite que os homens nas democracias são melhores dos que aqueles que estão à frente das ditaduras, engana-se profundamente, os métodos podem variar - há, atéquanto a mim, mais hipocrisia nas democracias, os exemplos são mais do que muitos - mas no fundo, reina sempre a ambição desmesurada de alguns indivíduos que ambicionam reinar seja a que preço for.
    Não se trata de um sistema político ou ideológico ser melhor ou pior, a ambição está na massa do sangue do ser humano.
    Não há remédio!
    Cumprimentos.

    LUSITANO

    ResponderEliminar
  2. Falta lá um - (o vitinho dos €uros).
    Balda-se para Vice do BCE pica o outro pra subir as taxas de juro. Entretanto deve ficar a receber uma misera reforma do banco de portugal mais ajudas de custo etc etc

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo