terça-feira, julho 13, 2010

A capa da Playboy à moda deste Jardim


PS: Como faço regularmente os bonecos aqui colocadas estão guardadas num site de alojamento de imagens; o ImageShack. Estão aí como podiam estar noutro local qualquer da Net, mas nunca me tinha acontecido que ela fosse substituida por isto:

Felizmente a Net é grande e nem todos partilham deste puritanismo e desta falsa moral, pelo que é sempre possivel encontrar ostras formas de o publicar.

7 comentários:

  1. Eles "andem" aí, aliás, eles e elas, sempre andaram :-)

    ResponderEliminar
  2. Há alguma maneira de os mandar à merda?
    Fá-lo-ia com muito gosto.

    ResponderEliminar
  3. Mandá-los à merda não resolve!
    Há 35 anos que mudam as moscas e a merda é sempre a mesma.

    ResponderEliminar
  4. Jesus Cristo se viesse à Terra gostaria de ser fotografado na revista Playboy junto daquelas beldades. Não é nenhuma heresia. Temos de ter mente aberta...

    ResponderEliminar
  5. Caro amigo.
    Como já deves ter visto, escrevi no facebook um comentário a este boneco colocado lá por uma amiga comum.
    O comentário em jeito de paródia (o que é este actual país se não uma enorme paródia) e que "rezava" assim:
    "Notícia de última hora, a Playboy Portugal anunciou a tiragem de uma 2ª edição do seu exemplar de Julho último, desta vez a tiragem será de 1 milhão de exemplares, record mundial. Hugh Hefne dono da publicação anunciou entretanto que vai mudar a célebre Mansão Playboy para Portugal, estando em negociações adiantadas com a igreja católica para a aquisição do Santuário de Fátima. Os valores não foram revelados, mas segundo uma fonte próxima das partes interessadas os mesmos para além de uma enorme soma em dinheiro (fala-se em cerca de 1000 milhões de euros), o clero menos conservador poderia passar férias com tudo pago em local à escolha podendo ter, caso pretendesse, acompanhamento adequado"

    Não demorou cinco minutos já lá tinha isto: "Aqui ha uns anos tambem ias com tudo pago para o Arquipelago de Gulag Mas tens em bolsa uma viagem a Havana para publicares os teus comentarios que eles dao te uma viagem vitalicia a tua escolha E so para preveligiados" (carregado de erros e tudo).

    Como disse no meu mural do facebook, para não querer entrar em polémica com o dito cujo, aliás tive uma semelhante e bem dura com um outro puritano de meia-tigela, acerca do mesmo assunto, "Porque será que quando se brinca com o clero, seja ele qual for, as coisas mexem de uma forma quase a roçar o fanatismo. Será que esta gente pensa que ainda vive no século dezanove? Será? Ou será antes estupidez"

    Ora bem, tentar meter naquelas cabeças de batata-chocha que o trabalho realizado na revista Playboy é arte e nada tem a ver com pornografia, que os produtores se limitaram a "explorar" um tema actual (O Evangelho Segundo Jesus Cristo), é para isso que lhes pagam, se lá estava retratado Jesus Cristo, poderia lá estar outro qualquer, foi, caro amigo um trabalhão. Só visto.

    Eu e se calhar todos os que temos as cabeças limpas e desinibidas, encaramos o trabalho efectuado simplesmente como outro qualquer trabalho.

    Agora, tipos que o vêm como "sujo", ofensivo ou imoral, são mentes elas sim sujas e a necessitar de uma limpeza total.

    Abraço

    ResponderEliminar
  6. Caro Ferroadas,
    Se dizemos "eu não acredito naquele senhor ali pendurado num t de madeira" chamam-nos intolerantes, e que não respeitamos a religião, nem as crenças dos outros. No entanto, quem me respeita a minha descrença?
    Nem os meus colegas! Nem os meus amigos! Nem o estado!
    O estado Português respeita todas as religiões e crenças, se elas forem católicas, apostólicas, romanas. Caso contrário, é mais complicado. E caso não tenhas nenhuma, mais complicado é!

    A única solução é mandar as beatas todas à merda, e que vão chatear outro.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo