quarta-feira, agosto 25, 2010

Espionagem à portuguesa

O ministro da Defesa admitiu, esta segunda-feira, que Portugal poderá vir a ter células de informações militares no Líbano à semelhança do que irá acontecer no Afeganistão, de forma a ajudar no combate ao terrorismo.

Só não percebo porque não deu também os nomes e as moradas dos nossos espiões.

2 comentários:

Ocorreu um erro neste dispositivo