domingo, dezembro 19, 2010

As sereias de ontem, de hoje...e amanhã?

O debate do Cavaco com o Nobre foi isso mesmo, um debate entre um crustáceo (Ceyllarides Latus) e alguém mais honesto nos seus pensamentos e nas suas convicções. Um não conseguiu deixar de tentar sacudir a água do capote com as competências do presidente e o outro de criticar o sistema sem nunca mostrar como o combateria. O Cavaco mostrou não estar à altura do lugar que ocupa, ou outro não mostrou como nesse lugar combateria o sistema. Um falta-lhe poder dizer que fez, o outro como faria. Mesmo assim, entre um e outro, antes o que diz que quer fazer que o que sabemos que nada fez.

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. "Nada fez"... Credo! Nada fez, NÃO... então o tipo até fez muito:

    Aumentou a Divida Directa do Estado enquanto 1º Ministro em 33.645.300.000€ (e não se esqueçam que na altura o rio de fundos comunitário até metia nojo!)

    No seu 2º Mandato, e até ao final deste, acumulou em défice orçamental de 136.595.000.000€

    Fez contratos nojentos, com os mesmos do costume, e depois quando o Povo pensou que tinha feito algo de grandioso ao correr com ele em 1995, foram todos viver à custa da mão que lavaram.

    Por isso dizer que o tipo "Nada fez" não é justo... além do mais que incentivar o consumo de bolo-rei é algo de deveras relevante.

    (Fonte dos Dados: banco de portugal (onde o tipo também por lá passou!!!)

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo