quinta-feira, janeiro 20, 2011

Dói mais quando o alvo somos nós


Dois sindicalistas foram hoje detidos pela polícia no final de uma concentração dos sindicatos da Administração Pública, junto à residência oficial do primeiro-ministro, em Lisboa. As forças de segurança e os sindicalistas chegaram mesmo a envolver-se em confrontos. A PSP diz que os dois detidos desrespeitaram a ordem para não ultrapassar um cordão policial que estava pré-definido.

PCP e BE acusaram na Assembleia da Republica a PSP de "abuso de poder" e "acção desproporcionada" nos confrontos de terça-feira com dirigentes sindicais após uma manifestação à porta da residência oficial do primeiro-ministro.

Basta ouvir no discurso dos nossos políticos a preocupação que mostram com aquilo a que chamam, de "aumento da contestação social ", provocada pelas medidas de austeridade, para se poder pensar que estas atitudes da policia podem ser já a resposta mais musculada para a travar. Os partidos mais à esquerda mostram, e bem, a sua indignação, mas não posso deixar de lhes lembrar que, quando da Cimeira da NATO em Lisboa nada disseram sobre a "violência" praticada pela policia sobre alguns manifestantes não subordinados às orientações do PCP. (Antes pelo contrário, foi a própria organização da CGTP quem solicitou à policia essa mesma "violência" sobre manifestantes pacíficos). Esquecem que, quando aceitam a violência contra os outros, os que não se regem pela sua cartilha, acabam por a legitimar e a abrir o caminho para serem eles os próprios a receber o mesmo tratamento. A defesa dos direitos e das liberdades têm de ser feitas para todos e não só para alguns.
quanto a este ministro, há muito que devia ter sido "saneado". Não presta.

4 comentários:

  1. Por vezes, as suas opiniões são de cariz tipo ONG's-'revoluções' de veludo,rosa,laranja.
    Sr.Kaos,a violência está ao serviço das classes e,esta violência é contra a esquerda e legitimada por aqueles que trabalham para a oligarquia financeira.quando os banksters começarem a levar na tromba a violência será exercida contra os responsáveis por esta merda,os Al Capones,os gajos q Geram a guerra e a miséria-e,está preocupado que se abata sobre eles???

    ResponderEliminar
  2. Anónimo das 11:24

    Sou pacifista por natureza, mas apoio qualquer revolução que seja feita para melhorar as condições de vida dos povos. Há muito que em Portugal se vive uma paz podre e os partidos que se dizem de esquerda parecem meninos bem comportados, com manifestações muito certinha e greves todas muito dentro da legalidade. Acredito que muitas vezes é necessário dar um murro na mesa e ser inflexivel na defesa dos nossos direitos e acredito que só na união do esforço de todos está o caminho para uma sociedade mais justa. Custa-me ver que isso é o que não acontece e que muitas vezes é a própria esquerda quem se combate a si mesma. A resposta está na unidade e quando a desejarem, quando esta esquerda que temos aceitar isso todos podemos correr com os que roubam este país e quem nele trabalha. Não é certamente com actos como os que o PCP praticou na Manifestação contra a cimeira da NATO. Foi uma vergonha e uma afronta à liberdade e aos direitos assim como o foi na prisão dos sindicalista em S.Bento. Não é com os Al Capones de que falas que estou preocupado, mas sim com a incapacidade que os que se dizem dirigentes de esquerda se mostrarem incapazes de fazer uma luta voltada para vencer. Até parece que estão satisfeitos com o sistema e temem estragar o prato de onde também comem.

    ResponderEliminar
  3. Por vezes,desconfio disso...mas,parece-me que há algo mais.

    ResponderEliminar
  4. "Até parece que estão satisfeitos com o sistema e temem estragar o prato de onde também comem"

    Eu chamar-lhe-ia gamela, mas está bem, queres ser simpático.

    Todos comem do sistema e quem não lhe pertence é excluído. Até o BE (digo Louçã), outrora tão "revolucionário" já aderiu ao mesmo.

    Todos tão certinhos, tão
    seguidistas e tal como dizia o outro, "falam, falam, falam e não os vejo afazer nada"

    À falta de melhor prato, coelho à caçadora é barriga cheia.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo