terça-feira, março 15, 2011

Caddies do capital

Sócrates foi sensível a argumentos do sector e o IVA sobre o golfe deverá passar dos actuais 23% para os 6% de imposto. O golfe cria receitas de 500 milhões de euros por ano. Cortam salários e apoios sociais, aumentam impostos, congelam pensões mínimas e "perdoam" 85 milhões aos Senhores do golfe. Esta gente não tem vergonha na cara.


7 comentários:

  1. Faltando o cavalo,evoca uma velha gravura inglesa do século XVIII:
    "Sir Joshua and Filho da Puta"

    ResponderEliminar
  2. Quem não tem vergonha,é quem vota neles!!!!Xicos espertos!Da-se1

    ResponderEliminar
  3. Kaos

    Não seja mau, um desporto tão baratuxo!
    Quem joga Golf,preocupa-se muito com o IVA...

    ResponderEliminar
  4. A pouca vergonha é tanta, sinceramente, não tenho palavras, aliás até tenho, vontade de os mandar à merda. É o poder político de merda, subjugado ao poder económico da burguesia. Nem o botas se atreveu a tanto. Que grandes filhos de puta.

    Ainda vai chegar o tempo (não muito distante) em que aqueles 200 mil de sábado, acampem na P. Comércio e não saiam de lá enquanto não houver um verdadeiro governo popular e revolucionário.

    Abraço

    ResponderEliminar
  5. Os ingleses já têm os campos turcos
    para jogar e são mais baratuchos
    mais cedo ou mais tarde com redução ou não os 500milhões da mama do golfe acabam

    e sinceramente tirando o sol
    não temos grande coisa para dar que os outros não têm

    felizmente os egípcios ainda andam a reparar os danos

    e juro que não trabalho num campo de golfe

    ResponderEliminar
  6. Não percebo a admiração. Esta medida é mais uma dentro da coerência revelada por Sócrates e sus muchachos. Se o golfe fosse um desporto de tesos pagava 23% assim paga 6%. Perante tal situação e havendo tacos e bolas, e para haver jogo, está bom de ver quem terá que apresentar...os buracos!

    ResponderEliminar
  7. Não é que esta gente não tenha vergonha na cara! Eles não têm é vergonha no corpo todo...

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo