quarta-feira, abril 06, 2011

Entrelaçados e entalados


Primeiro vem um e diz que não casa mas aceita adoptar o outro na família, para o outro logo oferecer uma aliança sem falar em casamento Aliança sem namoro não aceito, diz o primeiro, mas o segundo sabe que a sua família nunca aceitará o outro como noivo. Uma tragédia pior que a do Romeu e Julieta onde o único que se fica a rir é o cavalo do poder.

2 comentários:

  1. Vamos aguardar pela apresentação dos "noivos", depois sim, iremos ver se há namoro, porque casamento, era bom, mas não me parece que a família do noivo (neste boneco) vá na conversa, o dote é muito alto e não devem estar pelos ajustes, por enquanto só os deixam ir passear para a avenida e já é um pau. Mesmo assim, vamos dar-lhes o benefício da dúvida.

    ResponderEliminar
  2. Acho que não convém irem juntos, pois há pessoas (particularmente no Norte) que não votariam em qualquer coligação onde esteja o PCP. Daí que, do ponto de vista do resultado eleitoral, será preferível concorrerem em listas separadas, embora possam desde já indicar ao eleitorado que estão dispostos a participar num governo de esquerda, bem como as linhas mestras do programa desse governo.

    Falta, de qualquer forma, um partido que ocupe o lugar do espectro político deixado vago pela traição do PS.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo