quinta-feira, abril 21, 2011

O mestre de cerimónias da desgraça nacional


Ainda há poucos meses uma minoria dos portugueses se deram ao trabalho de reeleger o Sr. Silva de Boliqueime para a Presidência da Republica. Agora começamos a pagar por isso. Primeiro quando no seu discurso de posse abriu as hostilidades que vieram a levar à quedo do governo passados poucos dias e à chegada do FMI. Agora, põe-se de lado e passa a batata quente para o governo e oposições, como sempre fez no passado em relação a tudo. Deu inicio ao baile, mas recusa-se a participar nele.

2 comentários:

  1. O senhor Silva está a fazer a sua estratégia política, quer aparentar que é imaculado apesar da sua nódoa no BPN. A maioria dos portugueses que paguem dirá "são muitos e estão habituados". Enquanto se retira no salário, nas pensões e se cortam direitos (que não são mais do que meros direitos para se dar alguma dignidade)o buraco da especulação continua a ser preenchido para garantir um pá de meia bem gordo num qualquer ofshore. enfim o teatro do costume é pena a maioria dos portugueses ainda continuarem a escorregar na casca da banana.
    http://profundo-portugal.blogspot.com
    Maria Portugal

    ResponderEliminar
  2. 1º a quedo do governo

    nã é o mesmo que a queda

    cavaco permitiu que o governo ficasse quedo

    não provocou a queda

    cavaco deu posse a um governo minoritário

    note-se que eu não sou nem contra cavaco ou sokras sou apenas contra o seu carácter

    passos coelho não é um líder como cavaco ou sokras e isso é bom

    porque messias estalinistas auto-proclamados à Luis xiv o estado sou eu e mais ninguém
    já tivemos 3 em 36 anos
    apesar do 1º ter sido cuspido da liderança
    o 2º se ter apagado politicamente´até ao seu regresso

    o 3º persistiu no partido e no poder

    logo diabolizar um Cavaco que tal como as suas contrapartes raramente se engana

    é o problema da simplificação do pensamento

    quer em actos quer em imagens

    imitar quem se diaboliza
    também não ajuda

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo