quinta-feira, julho 21, 2011

Chanceler do Conselho das Ordens Nacionais.


«O Presidente da República aprovou, esta segunda-feira, a nova composição dos três Conselhos das Ordens Honoríficas Portuguesas, cabendo a Manuela Ferreira Leite o lugar de Chanceler do Conselho das Ordens Nacionais.

O Cavaco dá-nos a todos o sentimento de segurança, o exemplo de como no meio da tormenta e da crise se pode viver num oásis de prosperidade e elegância. Cá fora fala-se da redução do tamanho do estado, dos muitos institutos que não servem para nada, de serviços que não fazem falta e que é necessário extinguir. Até dos que fazem falta já falam. Lá dentro recebem-se convidados, amigos e até se nomeiam Chanceleres e Conselhos.
Já houve quem me dissesse que tem mesmo de ser assim, pois aquele é o último reduto, o símbolo da nossa independência como Nação, que a manutenção da tradição e do protocolo é que fazem o país ser aquilo que é. Acabei por concordar, é por isso que continuamos a ser aquilo que somos.

3 comentários:

  1. Está muito bem "A merda das Ordens entregue às ordens de merda". Como dizia Eça "Portugal não é um país...é um local mal frequentado"!

    ResponderEliminar
  2. Quando ouvi a notícia pensei que o Cavaco tivesse convidado a dita para a Ordem da Brigada do Reumático, afinal enganei-me.

    ResponderEliminar
  3. Lugares para os amigos do Cavaco não faltam.
    Desde que entrou no corredor do poder, tem sido um hábito ver estas pequenas ajudas e arranjos de última ordem.
    E dizem eles que agora é que o país precisa de avançar...

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo