sábado, julho 30, 2011

Filme de uma trajédia anunciada


Despedimentos: indemnizações vão baixar para 10 dias Redução do valor das indemnizações passa, numa primeira fase, pelos novos contratos e, para o ano, para a sua totalidade: novos e contratos já existentes O pontapé de saída neste processo vai ter início hoje, com a apresentação da proposta de lei no Parlamento que reduz de 30 para 20 dias as indemnizações por despedimento, no que diz respeito aos novos contratos. Mas a grande novidade passa por alterações já para o ano que vem, mudanças que poderão passar por uma redução dessa indemnização para dez dias.

Num dia discutem na Concertação Social a redução das indemnização para 20 dias com 10 pagos por um fundo, que não se sabe ainda quem paga nem como vai funcionar e cuja criação ficou para ser apresentada posteriormente e no dia seguinte a imprensa informa que já têm planos para as reduzir para 10 dias já em Janeiro. Tudo em nome da Troika e do emprego promovendo a facilidade de desemprego. Juntem-lhe a austeridade, os cortes sociais, o aumento de impostos, dos bens essenciais e cortes nos salários e temos um filme muito triste pela frente. É que quando cortam na despesa isso quer dizer cortes nos salários e quando falam de aumento das receitas aumento de impostos. Ficamos sempre a perder.

3 comentários:

  1. Pode ser que não, mas tudo nos leva a pensar que sim, que a tragédia vai ser uma realidade. Não sou optimista por natureza. Mas, penso estar a ser pessimista por ter motivos. Estou amedrontado! Sinceramente, que estou. Só há uma coisa, que talvez por eu não entender bem, me tem dado algum ânimo e dúvida: será que o Bloco de Esquerda e a CDU, ao votarem para a eleição deste governo, terão feito o melhor para os trabalhadores? Esta é a única situação que me confunde. Quanto ao resto, o povo lá sabe por que razão votou nesta gente…

    ResponderEliminar
  2. meu caro, corrija por favor: TRAGÉDIA

    ResponderEliminar
  3. não s'amofine que não há dinheiro para despedir no público

    e por incompetência se não sairam em 30 anos agora também não saem

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo