sábado, agosto 13, 2011

Voluntários à força


Há pouco tempo ficámos a saber que os serviços das Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) vão de ser fiscalizados pela ASAE e agora que vão deixar de ter um quadro fixo de pessoal para poderem funcionar, o que significa que as estruturas passarão a poder funcionar apenas com voluntários. Se é para os pobres para que são necessários técnicos especializados, qualquer desempregado terá de lá fazer uma perninha para não perder o subsidio de desemprego.
Para este governo assim se resolvem os problemas da pobreza que existe e da miséria que sabem que ainda vão criar. Como no post anterior sobre a educação aqui também para os pobres as IPSS mesmo que não tenham condições e para os avós do poder lares de luxo. É o Portugal que estamos a (re)criar.

3 comentários:

  1. E quem são os burros? Somos nós, não é?

    ResponderEliminar
  2. Bizarre! O meu primeiro comentário não aparece!

    Dizia:
    " Sim! Com certeza!
    Roubar aos pobres para dar aos ricos!
    Aqui também é a mesma m....!"

    ¤ Feliz domingo $

    ResponderEliminar
  3. Mudamos de balde,mas a merda é sempre a mesma,pra pior,cada vez cheira mais mal.Só me ocorre chamar-lhe isto Ladrões,Filho de uma grande P...

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo