sexta-feira, fevereiro 10, 2012

Grupo de Arraiolos


O Presidente da República, Cavaco Silva, disse esta quarta-feira, na Finlândia, onde se vai reunir com os chefes de Estado do «grupo de Arraiolos», que vai mostrar que Portugal está a cumprir os compromissos, a promover «reformas estruturais» e alcançou um acordo de concertação social «que alguns podem até invejar».

Talvez os seus amigos presidentes possam sentir inveja, mas certamente os povos desses países não terão inveja nenhuma daquilo que se passa em Portugal. Ou talvez o venham a ter quando, um dia, este povo acordar e correr com esta gente e estas políticas.

4 comentários:

  1. Estamos a cumprir nem que ele tenha de gastar mais de 10 000/mês... há cada cromo na politica portuguesa e depois dizem que a família lá de Angola é que se porta mal...diz o roto ao nu..., porque não te vestes tu ?

    ResponderEliminar
  2. Quando o presidente da republica do meu País se vangularisa,com a miséria que nos impuseram,estamos conversados.Bardamerda para o presidenteo

    ResponderEliminar
  3. Epa, este gajo é atrasado mental ou sofre de alguma doença sexualmente transmissivel??è incrivel a carrada de vezes que este tipo diz disparates e disparates sem fim.Recordo as suas célebres frases enquanto primeiro ministro,-"deixem-nos trabalhar"
    Ou -" Eu sou o comandante do navio,e como tal tenho que pilotaro navio que é Portugal", ou então-" Portrugal estará no pelotão da frente em 2010"- Sinceramente , não sei do que é que sr.prosidente da réspública está a falar,mas, uma coisa é certa , isto tem que parar,porque por este andar deixa de haver républica!

    ResponderEliminar
  4. O ilustre Presidente de Portugal derrama lágrimas, talvez de crocodilo, pelos portugueses em dificuldades. Mas, quando se vê no estrangeiro, foge-lhe a boca para a verdade e faz juras pelas medidas que vão pôr mais portugueses no desemprego, com indemnizações de miséria e menos subsídio de desemprego. Só espero que o povo português perceba isto.

    Afinal o primeiro-ministro sempre é seu camarada de partido e, confirma-se assim (apesar dos boatos que por aí andou a máquina laranja a espalhar), que o bezerro economista está a fazer aquilo que o Professor acredita que deve ser feito, embora não seja tão temerário assim que se disponha a fazê-lo e a jurar pelo acto, publicamente. Excepto quando tem que falar toda a verdade, no estrangeiro...

    E quando o bezerro economista cair finalmente na desgraça -- já falta pouco -- parece-me clara a estratégia delineada pelos barões do partido laranja: o Prof. Cavaco Silva aparecerá em todas as televisões, vestindo a pele de pai vingador da nação; irá sacrificar o bezerro jotinha ao altar do populismo, assim se erigindo em defensor do mesmo Zé Tuga que as políticas que ele próprio promulga (e, como se vê, concorda) ajudaram a pôr de tanga.

    Só espero que o povo perceba... É que Cavaco Silva faz lembrar um outro ilustre professor economista, o ex-ministro Manuel "Touro" Pinho; o mesmo que foi para a China dizer que Portugal tinha mão de obra altamente qualificada que trabalha por tuta-e-meia, depois de o engenheiro andar a prometer um futuro deslumbrante aos jovens portugueses qualificados.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo