terça-feira, março 20, 2012

O Pilatos da gasolina


O preço dos combustíveis volta hoje a aumentar atingindo o valor mais alto de sempre em Portugal. Com a segunda subida no preço dos combustíveis em apenas uma semana o preço da gasolina já aumentou 9% desde o início do ano.
Os repetidos aumentos dos combustíveis suscitam preocupação no primeiro-ministro, que prevê danos na economia portuguesa, com prejuízos para particulares e empresas. “Com combustíveis mais caros, por factores externos, a economia paga um preço acrescido. Assim sendo, o notícia com esta nunca pode ser positiva" afirmou Passos Coelho.

Noutros tempos o mesmo personagem argumentava que a economia não podia aguentar preços tão elevados e que o governo devia intervir para controlar os preços com uma redução de impostos sobre os combustíveis. Hoje este Passos Pilatos diz que, a culpa não é nossa, é dos mercados pelo que a economia que se aguente parecendo, esquecer que é Primeiro Ministro e governar não é só aumentar impostos e cortar direitos, é também fazer o país funcionar. Assim só nos pode conduzir a uma pobreza e misérias ainda maior daquela que já existe um pouco por todo o lado e muito em muito lado.

8 comentários:

  1. Não se trata de má vontade própria, mas sim de vontade política, que como sabemos transforma os outrora humildes em pacatos servidores dos grandes interesses multi-económicos mundiais.
    Escravidão, é o que é pretendido para o Português comum.
    56% é o que o Estado arrecada em impostos com o combustível. Não me venham dizer que não é falta de vontade? Em Espanha o litro chega a custar menos 30 cêntimos por litro. O Passos Coelho é agora o novo brinquedo sexual da troika, também conhecido no meio como ''man-gina''- homem-de-vagina.
    wehaveKaosinthegarden? yes we do!

    ResponderEliminar
  2. Levantamento popular como única solução.

    ResponderEliminar
  3. Bem feito para quem votou nesses broxistas....

    ResponderEliminar
  4. São os fatores exógenos... palavra que ele aprendeu anteontem... No tempo do outro governo não havia fatores desses. Era só culpa do Sócrates!

    ResponderEliminar
  5. Se, ao menos, deste aumento de combustíveis resultasse uma melhor qualidade do ar que respiramos com altos benefícios para a saúde, vá que não vá. Mas ao contemplar o tráfego em Alcântara e no Largo do Rato nas horas de expediente, creio bem que não. Todos se queixam da crise mas continuamos a queimar gasolina importada à fartazana. Entretanto, os transportes públicos da grande Lx andam às moscas e só não abrem falência porque têm o guarda-chuva do erário público. Moral da história: O Zé não poluidor tem de pagar duas vezes o seu transporte.

    ResponderEliminar
  6. O D_Man,é o prtuga típico,pq só fala nos impostos e,NÃO fala que o combustível que hoje estamos a gastar foi adquirido há 4-6 meses.Ou seja,estes aumentos estão a ir para à cona dos accionistas.Tb à tempos vinham cantigas sobre os impostos na EDP,hoje sabe-se que os gajos ganham que NUNCA se fartam com RENDAS!HÁ DIFERENÇAS E,QDO É PARA ATACAR O ESTADO é ver demagogia feita à maneira e nunca falam dos lucros exagerados e rendas.Abaixo as conversas da treta próprias de gente IGNORANTE ou com má fé!!!

    ResponderEliminar
  7. já vai na 3 subida

    ResponderEliminar
  8. saldo da semana aumentou 4 vezes em 5 dias

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo