sábado, junho 02, 2012

Começaram as festas da cidade


Como tinha acontecido com a EsColA da Fontinha no Porto foi agora a vez de em Lisboa  a casa de São Lázaro ter sido desocupada pela força policial. Mais uma vez um espaço devoluto, degradado e negligenciado há diversos anos é retirado a quem o procurava recuperar e colocar ao serviço da comunidade. Neste caso a história é engraçada porque carregada de ilegalidades e hipocrisias. Ilegalidade porque a primeira tentativa de desocupação foi travada por uma providência cautelar pois a CML tinha alterado as regras, passando de 90 para 10 dias o prazo de desocupação sem passar pela Assembleia Municipal. Hipócrita porque para ultrapassar a Providencia cautelar decretada pelo juiz vem alegar o interesse público para logo de seguida mandar emparedar portas e janelas condenando aquele edifício a voltar à utilização que teve durante muitos anos; ser refugio parar ratos e baratas. 
Existem quase cinco mil prédios devolutos e a degradarem-se sem que se veja um plano ou uma ideia de como os recuperar e devolver à cidade. Mas existe também o medo de que alguns cidadãos possam demonstrar que é possível mudar esta estagnação, fazerem pelas suas próprias mãos arranjos nessas casas e transforma-las em espaços vivos e que possam ser utilizados pelos moradores dessa zona. A vergonha de quem não faz nem deixa fazer.
Como se isso não bastasse ainda a manifestação de centena e meia de cidadãos que se manifestou pacificamente em protesto pela desocupação foram cercados por um aparato policial digno de um filme demonstrando o medo que este poder tem da voz daqueles que desmascaram a sua incompetência. É que para recuperar uma casa não é necessário um milhão como afirmam, mas sim a boa vontade de quem realmente quer fazer a diferença.

6 comentários:

  1. Anónimo2/6/12 00:34

    O gajo é do PS,não é?A distancia entre o PO e o PSD é menor que a espessura duma mortalha...PQP!!!!!

    ResponderEliminar
  2. Anónimo2/6/12 00:55

    Mas que raio de anarquia vai por estas bandas...ocupar o que não lhes pertence.....será que estamos a regressar ao pôs 25 do infeliz Abril.......SE QUEREM OCUPAR COMPREM E PAGUEM, OU ALUGUEM E PAGUEM....isto não vai ser a republica das bananas......vão trabalhar malandros.

    ResponderEliminar
  3. Anónimo2/6/12 11:16

    PS
    PSD
    PS
    PSD
    PS
    PSD
    A DEMOCRA CIA DO QUERO POSSO E MANDO

    ResponderEliminar
  4. Daniela Pamplona2/6/12 11:21

    Querido anónimo,
    isto é a republica das bananas. Porque quer no Porto quer em Lisboa os despejos foram ilegais.
    Porque o abandono de casas é ilegal e nenhuma câmara tenta responsabilizar os donos dos imóveis, porque há tanta gente sem casa e tanta casa sem gente, e os nossos presidentes (de câmaras, de regiões, da republica, do raio que os parta), não fazem nada para reutilizar o património.
    Isto é a republica das bananas, porque se isto fosse um país, despejar alguém ilegalmente seria suficiente para a demissão do presidente da câmara.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo2/6/12 11:53

    PRA DELICIAR O DEFICIENTE MENTAL DO TACÃO DE FERRO:
    http://g1.globo.com/mundo/noticia/2011/08/novo-relatorio-sobe-para-mais-de-40000-as-vitimas-da-ditadura-de-pinochet.html
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Augusto_Pinochet
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Guerra_do_Vietn%C3%A3
    https://docs.google.com/viewer?a=v&q=cache:kGB27ztEpX4J:macua.blogs.com/25_de_abril_o_antes_e_o_a/files/vn_mortos_com_os_safanoes.doc+mortos+por+salazar&hl=pt-PT&gl=pt&pid=bl&srcid=ADGEESgECnddFifib-2b86GbsvRV8_UVQfH28XUCXt7WWYJSeFmDDsPZeHDi4eCIcXplQySPoX2-U3xDYmWrNFGIPLofEMMDL8U_4j-ybyTA21_qAvWJpb74-XknO5ruI2e38O-LLp2n&sig=AHIEtbRbs8YAIyvprVVRmBgKaXQz2Ob9aw
    http://pt.wikipedia.org/wiki/Salazar

    ResponderEliminar
  6. Anónimo3/6/12 01:59

    OUTRO XULO KE SE VAI CANDIDATAR A PR MONHÉ DO CARALHO

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo