sexta-feira, agosto 10, 2012

Escombros de um governo

 
«Um complexo turístico no Alqueva, uma fábrica de painéis fotovoltaicos em Abrantes e a exploração mineira em Torre de Moncorvo: só com três projectos falhados, Portugal 'perdeu' investimentos de 3.000 milhões de euros e 8.000 postos de trabalho.»

Um país, um governo, uma estratégia, um modelo político e económico a desabar. Este governo e esta economia "troikana" mostram não ser uma alternativa credível ao desenvolvimento e ao emprego. Portugal começa a deixar de ser atractivo para investir, não pela falta de competitividade dos trabalhadores mas sim por se estar a transformar num pântano de pobreza sem recursos naturais que justifiquem qualquer investimento. Se não mudarmos de rumo, se não encontrarmos alternativas estamos condenados a transformar-nos em escombros do capitalismo. Passos Coelho já o é.

2 comentários:

  1. Lido na Net !

    Passos está a ficar careca e a Cachupa cada vez mais Gooorda !!

    ResponderEliminar
  2. O Alqueva é o Mar que lhes basta mais a praia da Coelha..

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo