quinta-feira, agosto 02, 2012

Mais um erro Crato


Como se previa quando gente cega e surda pensa que basta chegar, mudar tudo e tudo vai funcionar na perfeição. Este chegou da sua cátedra e reina a confusão nas escolas, nos professores, nos pais e 15 mil professores do quadro sem horário. O Santana Castilho, figura de proa da luta contra a "Sinistra Ministra", Maria de Lurdes Rodrigues,apoiante declarado do passos Coelho durante a campanha eleitoral, desanca hoje no jornal este Ministro afirmando que nele nunca existiu seriedade intelectual intrínseca, que ofende a dignidade profissional de milhares de professores e de uma prática governativa mais perversa e iníqua que a pior do pior tempo de Maria Lurdes Rodrigues.
Nesta área, como em tantas outras este governo mostra não ter ideia nenhuma da consequência das suas politicas. O Gaspar lixa-nos a todos, lixa a economia, lixa o emprego e sobretudo aprofunda ainda mais a recessão e o desemprego, o Álvaro é o Álvaro e nem vale a pena contar com ele, a Cristas continua às gravatas, o Macedo aguarda resultados de inquéritos  atrás de inquéritos, o Macedo receita-nos missas porque para pagar a saúde já há muitos que não têm, o Mota, que agora anda de Audi, encolheu Lares e creches, o Aguiar Branco ninguém o vê, a Justiça continua a ser uma Cruz para muitos e a impunidade de outros, o Relvas anda à procura de equivalências, o Portas continua escondido e abrigado no estrangeiro e o Passos Coelho continua sem  dar mostras de perceber onde anda e o que está a fazer. Junte-se um Cavaco em Belém e está tudo dito. Não há outra alternativa que não seja mudamos isto.

10 comentários:

  1. Anónimo2/8/12 16:47

    Salazarenta criatura...

    ResponderEliminar
  2. Anónimo2/8/12 18:32

    Se fosse assim tão salazarenta já tinham fechado este blogue para balanço!

    ResponderEliminar
  3. anónimo das 18:32
    Pouco mais falta que criminalizarem quem critica o governo. Basta ver a quantidade de processos, que nunca são noticia, contra quem tem organizado manifestações e concentrações. Ou porque não foi avisado com 72 horas, ou porque foi antes das 19 horas, ou por outro motivo qualquer há uma tentativa de "assustar" quem se indigna e protesta. Dai à censura não deve faltar muito embora eles nos tentem vender a ideia que vivemos numa democracia plena. Leiam o texto do Rui Tavares no Publico de ontem que fala sobre democracia ou a sua realidade

    ResponderEliminar
  4. Parabéns pela imagem! Mais uma das boas imagens deste blogue. Apenas um reparo... Só lhe faltam (ao Crato-Craso)as orelhas de burro!!!

    ResponderEliminar
  5. Anónimo2/8/12 21:18

    Devia ter sido posto de frente para a parede com o letreiro nas costas!
    Assim não se lhe via o focinho, este é dos que pensa ser "bonito e bom"!

    ResponderEliminar
  6. Anónimo3/8/12 16:35

    a coisa é difícil, agradar a uns e a outros, como a gregos e troianos, e entre mafiosos, trolhas, parcerias, achar modo de comer o bolo todo sem o pobre se queixar .

    ResponderEliminar
  7. cratinices...

    ... mas quem se lixa não são os cratinos...

    ResponderEliminar
  8. Anónimo4/8/12 03:16

    Esta corja malvada de cretinos iluminados de bandulho cheio está sempre descontente e insatisfeita mesmo que não saibam porquê, uma certeza porém, querem que tudo ou nada mude para que tudo fique na mesma e que no final a factura seja pesada para que todos paguem o desvario completo de outros desta absurda desgraça, haja ou não com que pagar. Toda a gente sabe ou devia saber que mais de 50% do Ensino em Portugal é uma brincadeira de crianças que não deveria ser levado a sério, que uma grande maioria de professores não sabe para eles quanto mais para ensinar que outra grande maioria é tratada como palhaços ou entertainers e que uma grande maioria dos alunos não sabe estar, não sabe exigir, não sabe ao que anda, por onde anda nem para onde vai, que a maioria das famílias é tão iletrada como aqueles que lhe deram o ser e que desconhece em absoluto tudo no que à Educação diz respeito. Salvam-se algumas minorias de famílias avisadas e das elites e tudo o resto tem estado condenado às trevas do conhecimento e do saber. O Crato é alguém que no seu perfeito juízo perdeu-o momentaneamente ao aceitar a tarefa hercúlea de querer escaqueirar um Ministério da Educação já de si escaqueirado para fazer algo sério e credível com tão pouco orçamentos, gabo-lhe a paciência e a determinação.

    ResponderEliminar
  9. Anónimo4/8/12 03:17

    Crato, não lhes dês guarida.

    ResponderEliminar
  10. Anónimo5/8/12 17:40

    Subscrevo integralmente o comentário do anonimo das 03:16.
    Ainda existe alguém com lucidez e paciencia para aturar esta "corja malvada de cretinos iluminados de bandulho cheio"

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo