terça-feira, fevereiro 19, 2013

Euro-Aldrabões


Porque a memória é importante, porque há culpados da situação em que estamos, porque outros nos querem dominar e explorar, porque esta dívida não é nossa, porque há responsabilidades a pedir. Estes são só dois dos muitos, estes enganaram o seu país a troco de fama, fortuna e opulência, para "excitarem" os seus egos e a sua cacança. Mas há mais, muitos mais, uns vendidos a troco por tachos, outros por estatuto mas quase todos também por dinheiro.  Todos ao serviço dos Senhores do Mundo, do grande capital, dos especuladores, dos mercados, da avidez humana. Gente reles, gente gananciosa, gente que não presta. Esquecem a moral, a justiça, a decência, a dignidade a troco de 30 dinheiros. Podia fazer aqui uma lista imensa mas todos sabem quem chegou à política com uma mão à frente e outra atrás e passado pouco tempo já vive na opulência. É bom ir recordando os seus nomes e as suas faces para que nunca mais gente da sua laia possa mentir, enganar, trair e roubar à custa da pobreza e da miséria de um país.

2 comentários:

  1. Não percebi foi aquela pandilha que foi para Gaia fazer um forró com o Relvas a cantar a Grândola. Será propaganda para as autárquicas? Ou aquilo era para os apanhados?
    Um dia destes ainda vamos ver uma nova música na tv:
    "Avante, cantando e rindo; levados, levados, sim..."

    ResponderEliminar
  2. O João Salgueiro (PSD/banqueiro) dizia hoje que "agora, na Europa, é cada um por si". Também se lamentava da taxa de câmbio do euro, "demasiado alta para os países do sul da Europa, e das cotações do Brent, que pressionam em alta os preços dos combustíveis na Europa, enquanto os americanos beneficiam de cotações 20 e tal dólares mais baixas. Ou eu me engano muito, ou vem aí o grande calote que Gaspar foi posto cá (pelos nossos credores) para tentar evitar...

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo