sexta-feira, setembro 29, 2006

Está a ficar atrasado Sr. Isaltino

Ex. mo Senhor Encarregado de Educação.

Informamos V. Ex.ª de que as Actividades de Enriquecimento Curricular, prevista nos horários do seu Educando, são da responsabilidade da Câmara Municipal de Oeiras, nomeadamente a contratação de pessoal para as assegurar.

Acontece que até ao momento a maior parte das actividades não têm sido asseguradas. Os Alunos têm ficado na Escola à guarda de professores e funcionários para além do seu horário. Esta situação a continuar, torna-se insustentável pelo que pedimos a melhor compreensão de V. Ex.ª no caso de termos de suspender as referidas Actividades. Se assim acontecer será de imediato comunicado a V. Ex.ª.

A Presidente da Comissão Executiva Provisória.

Sr. Isaltino de Morais, como Presidente da CMO, mas sobretudo como responsável pelo pelouro da Educação, gostaria que nos esclarecesse a todos sobre as razões pelas quais tal situação, acima descrita, acontece.
Aproveito para pedir à Sra. Ministra da Educação, que nos informe do que pensa fazer para acautelar e garantir que situações como esta não aconteçam, neste ou em qualquer outro Concelho deste país.
.
Contribuição para o Echelon: Kwajalein, LHI

8 comentários:

  1. Já está atrasado hà muito...bfsemana, abraços.

    ResponderEliminar
  2. A resposta honesta da Ministra seria: "Quero lá saber! Eu ando a tentar passar essas competencias para as camaras para poupar dinheiro e não ter de me chatear mais com elas, por isso, quero lá saber. Amanhem-se!"

    abraço e bom fds

    ResponderEliminar
  3. sabr:
    Mas, neste caso quem sai prejudicado são os miudos, e isso é inaceitável.
    abraço e bfs para ti

    ResponderEliminar
  4. pseven:
    Acredito em ti, mas por mais que deseje desresponsabilizar-se não lho podemoe permitir.
    abraço e bfs para ti também

    ResponderEliminar
  5. o espelho do que se passa por cá...o jogo do empurra e ver quem mais sacode a água do capote, fazendo boa figura nas tv's.
    jinhos

    ResponderEliminar
  6. tb:
    Mas, neste caso é mais triste porque quem sofre e se começa a habituar a esta choldra são os miudos.
    bjs e bfs

    ResponderEliminar
  7. O Ministério obrigou as escolas a "oferecer esse serviço" e, como não lhes tinha verba para dar para os prolongamentos (até às 17:15h), indigitou às Câmaras essa responsabilidade. Isso foram as alterações teóricas do protocolo; agora na prática:a câmara de Oeiras é um bom mau exemplo; não tem vereador da educação e por isso o senhor Isaltino Morais disse que era com ele, mas este senhor tem sempre uma agenda muito preenchida e as aulas começaram como se tudo estivesse normal mas... uma semana depois crianças do primeiro ciclo vagueiam desacompanhadas durante tempos livres de aulas em que ainda não têm professores. Não há pessoal auxiliar suficiente para que a escola se possa responsabilizar. A escola descarta as responsabilidades para a Câmara e comunicam que as actividades podem vir a cessar. Se fosse no Norte já havia pais a fechar a escola a cadeado. E a Sic aqui tão perto também havia de apreciar o espectáculo!

    ResponderEliminar
  8. Kaotica:
    Só depende dos pais se juntarem e bloquearem as portas. Haja quem se dê ao trabalho de mobilizar as "tropas".
    bjos

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo