sábado, julho 26, 2008

Boa sorte "apaixonante" Barack Obama

 O Mal e o menos Bem

«O presidente francês, Nicolas Sarkozy declarou logo após um encontro com Barack Obama, virtual candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos, que existe entre ambos "uma grande convergência de opiniões" e que eles tiveram uma conversa "apaixonante". Durante a entrevista, Sarkozy e Obama demonstraram afinidades e trocaram inúmeras amabilidades, além de palmadinhas nas costas e sorrisos.
Apesar de afirmar "estar disposto a trabalhar ao lado do vencedor das eleições presidenciais americanas, em Novembro próximo, seja ele quem for", Sarkozy não conseguiu esconder seu entusiasmo em relação ao candidato democrata. "Boa sorte Barack Obama”».

Quando vejo alguém que considero como um “demónio dos infernos Bildebergianos”, um adorador do Bush chamado Sarkozy tão entusiasmados com aquele que dizem ser a “boa nova”, o “santo” que desceu dos céus sobre a terra para tudo endireitar, para nos salvar. Quando vejo o “mal” desejar boa sorte àquele que dizem ser o “bem” desconfio. Sei que sou paranóico, sei que a lógica tem de fazer sentido, que por mais que se mascare, por mais que se esconda, a realidade nunca deixa de o ser e há aqui alguma coisa que não bate certo.
Em Berlim juntaram-se 200 mil para ouvir o discurso do Obama e em Paris havia franceses a vitoriá-lo com camisolas com a sua fotografia estampada. Porque estão a vender já a imagem do Obama, não só aos Americanos que o vão eleger, mas a todo o mundo. Que tarefa lhe destinaram os que o promovem?
Não servirão, Sarkozy e Obama, os mesmos donos? Pensem nisso e tenham medo, muito medo.

Contribuição para o Echelon: NATOA, sneakers, UXO

6 comentários:

  1. Parece-me uma análise lúcida:
    "He is not old, frail and nondescript like McCain, but young, vigorous and attractive. He is, in short, everything they want America - and themselves - to be.
    His very incoherence over policy, the fact we don't know what he really believes in, enables people to project onto him their hopes and desires. He is the perfect fantasy politician. He is America's very own Princess Obama.
    But, of course, the belief that a handsome prince can magic away the troubles of the world is infantile. The idea that there is a new kind of sanitised politics by which problems can be solved without having to make hard choices is a dangerous delusion.
    To be fair, there are signs that light may be beginning to dawn in America. Despite - or perhaps because of - the saturation media coverage of Obama's world tour, his poll numbers are showing no bounce.
    This may be because people are beginning to see the media manipulation, with Obama refusing to answer journalists' questions and participating only in 'faked' interviews by the military in Iraq.
    While America may be wising up, however, Britain is about to have its Princess Obama moment. Get out the smelling salts and prepare to swoon."
    (Mail Online)

    ResponderEliminar
  2. Mas é óbvio que ambos servem os interesses do Clube Bilderberg, da Comissão Trilateral, O Conselho das Relações Externas, a Távola Redonda, o Clube de Roma, etc, etc...

    ResponderEliminar
  3. A PROPÓSITO DO CLUBE BILDERBERG VISITEM O SEGUINTE ENDEREÇO: http://www.danielestulin.com

    P.S.: TEM FOTOGRAFIAS DO SÓCRATES NA REUNIÃO DO CLUBE!!!!!!!

    ResponderEliminar
  4. Quanto à reunião dos Bilderberg 2008, realizou-se no passado dia 7 de Junho nos EUA, Virginia (que grande jeito Sr. Obama).

    ResponderEliminar
  5. Nas eleições americanas havia apenas um candidato alternativo, Ron Paul, gostasse-se ou não do estilo e das convicções do dito, era o único candidato à margem do status quo, todos os outros são faces diferentes da mesma moeda.

    ResponderEliminar
  6. mas qual a dúvida? se a "democracia" no capitalismo não é mais que isso mesmo - a forma de levar a malta a votar sempre nos mesmos. E nos states isso é apenas mais evidente. O povo quer mudança, pega-se nuns milhões valentes, e na máquina mediática, e em Novembro o povo vai votar para que tudo fique na mesma.
    mg

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo