domingo, junho 21, 2009

O paradoxo da mentira politica

Cega e fora deste mundo

“Só se eu estivesse cega ou fora deste mundo é que não acharia que há um Sócrates antes e outro depois das eleições”. “Numa coisa, seguramente, o meu programa vai-se distinguir daqueles que é costume apresentar ao país, é que não tenciono fazer nenhuma promessa que não tenciono cumprir, não tenciono mentir aos portugueses”, afirmou Manuela Ferreira Leite.

Todos se lembram daquela famoso paradoxo do Groucho Marx em que afirmava que não podia ser sócio de um clube que o aceitasse como sócio. O mesmo se passa com os políticos que dizem que não vão mentir aos eleitores pois já estão a dizer a primeira mentira. Até pode partir para esta campanha cheia de boas intenções de não mentir, mas ao longo delas será confrontada com situações em que a verdade a irá fazer perder votos e isso é algo a que nenhum político não é vulnerável. Começam com meias verdades e omissões mas mais cedo ou mais tarde não resistirão á pressão para dizerem aquilo que depois não irão fazer. E a Manuela pode dizer o que desejar que já anda pela política portuguesa há muito tempo e nós já a conhecemos bem dos tempos em que foi uma má ministra da Educação e uma péssima ministra das finanças.


6 comentários:

  1. eu ouvi essa declaração ..... e ri-me logo .... tem anedotas muito giras .... os políticos estão a roubar o ganha pão dos humoristas!

    ResponderEliminar
  2. miguel fernandes21/6/09 16:12

    Caro Kaos:

    Há, sem dúvida alguma, um grande projecto mundial mascarado, que vem de à muitos anos atrás, logo mesmo após o gnosticismo de Jesus (gnósticos), nos anos seguintes ao seu desaparecimento. Seja o Priorado de Sião, seja a Ordem dos Templários, seja de qualquer Ordem Secreta que foi criada, a verdade é que nunca existiu nenhum Santo Graal, como tanto falam; existiu sempre uma tentativa de domínio e controlo das massas, por determinadas pessoas que se julgam iluminadas, mas que de iluminadas de Jesus nada têm a ver em relação próxima.

    Segundo consta da wiki, Adam Weishaupt foi o refundador e líder dos Illuminati da Baviera, ao que parece onde tudo legalmente começou a ser identificado com o Mal ou seita para o domínio mundial. Dos vastos documentários que já vi, sobre a maçonaria, dos livros que já li e de Robert Anton Wilson também, é tudo verdade que existe um Vasto Projecto Mundial, para o controlo da humanidade por pessoas que parecem humanas, mas não são e é aqui que reside a essência dos factos. A Política é a Arte da Retórica Mascarada por Espantalhos ou Marionetas, manobradas pelos Illuminati que ainda hoje subsistem neste Planeta. São eles que fazem funcionar toda esta máquina de ilusão, que é o mundo onde vivemos, são eles que manobram os políticos, são eles que conduzem o futuro da humanidade e não pensem que são os votos nas eleições que lá colocamos; tudo é manobrável tudo é manipulável por eles.

    Segundo conta a lenda ou facto mesmo verídico que parece que aconteceu mesmo; Adam Weishaupt morreu com um raio de um trovão, quando fugia a cavalo e mais alguns da Ordem, porque andava a ser perseguido pela Igreja faz algum tempo. Das várias frases célebres que Adam disse, houve uma que se encaixa perfeitamente para entendermos este mundo político em que vivemos;
    ele disse:

    "...haveremos de dizer uma coisa e haveremos de contrariá-la logo a seguir, onde conseguiremos alcançar os nossos objectivos..."

    Passados mil anos, sensívelmente, após a suposta criação de um Priorado de Sião, Rosa-Cruzes ou Templários, whatever, crê-se que grande parte dos objectivos maçónicos já estão concluídos, com o petróleo a ser um factor preponderante para o tal domínio, que se diz ser o sangue de Lúcifer que ficou preso dentro deste nosso Planeta, quando a legião de Anjos de Deus o aprisionou para todo o sempre.
    Diz-se muitas vezes que a Maçonaria ou Ordem Hermética foi buscar muitos elementos ao Antigo Egipto, ou até mesmo à Antiga Grécia, mas não é verdade, nada dos tempos antigos se assemelha a qualquer tipo de Ordem Maçónica, seja da extinta Lemúria ou Atlântida, Egipto ou Grécia, todas estas civilizações foram extremamente evoluídas, é verdade, mas funcionavam para o Bem Comum do Planeta, nunca para o Mal como acontece com os Illuminati que pertencem à Ordem Negra do Diabo.

    Os Illuminati sempre tentaram congregar símbolos antigos de outras civilizações, por forma a dar a entender que possuem a Sabedoria Suprema do Universo ou do Início do Mundo, mas não é verdade, tudo aquilo que vemos, ouvimos ou até sentimos, é tudo uma ilusão criada por eles dando a entender que é a única realidade que existe; É MENTIRA!!!

    Olhem para o Universo, Deus Existe e não é nenhum arquitecto maçónico, como fazem crer.

    Don't believe in anything, you see...

    Abraço!

    ResponderEliminar
  3. Tenho um excelente documentário sobre o assunto, que descobri na net, apresentado pelo Patric Macknee, duvido que lá esteja mas eu guardei, fabuloso e, tenta explicar o que esses senhores andam a tentar fazer e, que têm que ser desmascarados!!!

    ResponderEliminar
  4. zé do boné22/6/09 19:52

    -Cegos e surdos; andam aqueles que acreditam e aceitam esta velha senhora, que traz com ela uma mão cheia de nada... e na outra uma saca cheinha de neoliberalismo/fascistoide... que será o mesmo que dizer carne ensacada.

    ResponderEliminar
  5. Chamar à Manela má ministra das finanças e péssima ministra da educação é um acto misericordioso que registo com algum espanto.
    Do meu ponto de vista, ambos os desempenhos para chegarem a péssimos teriam de melhorar ainda muito!
    Aquilo foi cinco pontos abaixo de cão e três acima de polícia!

    ResponderEliminar
  6. Estou a ver que esta malta gosta é da anarquia ou então da esquerda do travesti. Com tanta indignação eu acho é que deviam era ser coerentes e eliminar fisicamente toda esta escumalha da direita, era matá-los a todos, limpeza geral. Que tal? É que tanto bla bla bla bla para dizer mal e depois não fazem nada de concreto, parece-me só arrotar de barriga vazia. Será que temos aqui os bloquistas à espera de ver o Louçã primeiro ministro, líder um partido onde convivem alegremente os mais fervorosos trotskistas e também os mais arreigados marxistas-leninistas, saudosos de um Enver Hoxa, tudo bem embrulhadinho com as marjorettes Ana Drago, Cecília Honório e Amaral Dias? Que giro pah! É isso que defendem para liderar Portugal? Porreiro pah!

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo