terça-feira, setembro 22, 2009

Assassinato ou suicidio?

A morte do cavaquismo

Hoje é o dia em que faço o funeral ao Sr. Silva após o seu haraquiri com as famosas escutas em Belém. A ser verdade que foi da sala do Presidente que saiu a ordem para lançar a noticia de que o governo andava a escutar Belém e se provar que tudo isto foi feito para beneficiar e contribuir para a campanha da “asfixia democrática” da Manelinha, ao Sr. Silva só lhe resta a possibilidade de resignar ao cargo. Acabou a independência devida a um Presidente, falhou nas suas funções ao não defender a democracia e o dever de isenção. Paz à sua alma. Se não for verdade, então temos de concordar que os Sócretinos estão muitos anos-luz à frente do Manuelinos na forma de fazer politica suja. Seja um ou outro caso, queremos ver o assunto esclarecido pois ficaremos sempre a ganhar. Um deles terá de ser corrido do poder e por isso exigimos que o Procurador, sempre tão solicito para investigar os alunos que têm telemóveis nas aulas ou alguém que espirre no passei publico, investigue o caso e acuse os culpados. Não como no caso do envelope nove ou dos voos da CIA, em que tudo se arrastou para depois a montanha parir um rato, mas acusando os culpados para que nos vejamos livres deles de uma vez por todas.

8 comentários:

  1. Algo mais deve haver, vamos esperar, se calhar não teremos que nos sentar sequer .... Bom trabalho, parabéns

    ResponderEliminar
  2. O quê o Cavaco caiu da cadeira?

    ResponderEliminar
  3. De uma vez por todas não será... Já todos conhecemos a memória (curta) do português. Mas temporariamente era bem feito. Só que nem isso vai acontecer. O surdo-mudo de Boliqueime, ou o melhor primeiro-ministro de Portugal desde 85 se preferires, tratou de despejar o capote para cima de um acessor - é sempre mais fácil. Não pensemos que estar no topo (ou próximo do topo) de uma hierarquia é coisa para homens.

    ResponderEliminar
  4. *hierarquia política queria eu dizer. Felizmente ainda há suficientes Homens (aqui no sentido lato, homens, mulheres...) de topo para que nos possamos recordar do que significa uma liderança, na verdadeira acepção da palavra.

    ResponderEliminar
  5. Santo deus, que incompreensão a sua. Cavaco e Sócrates estão contentíssimos a brindar com champanhe (pago com o dinheiro dos contribuintes) a pública declaração de Cavaco de que vota no PS, e você escreve isso!? Bom, contente também está o meu caro, porque a sua cruzinha à frente da mãozita fechada é indesmentível.

    ResponderEliminar
  6. Mais um triste espectáculo a-lá-portuguese, onde ninguém sai bem da fotografia, nomeadamente o Cavaco. Se juntarmos a isto o BPN e outras que não sabemos, o Chico de Boliqueime só tem uma saída, a renuncia ao cargo.

    ResponderEliminar
  7. José Carlos Pessanha22/9/09 18:22

    Já lhe fizeram o funeral variadíssimas vezes, mas para vosso infortúnio o homem vai ganhar ainda mais uma eleição!

    ResponderEliminar
  8. Não sei, não sou (partido)ista.
    Mas sei que nos estamos a afundar em todos os sentidos.
    Sei que não acredito, não acredito em qualquer político neste momento.
    Falta pouco para também não acreditar em Portugal.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo