quinta-feira, abril 29, 2010

Já temos inimigo

a guerra

Todos unidos contra as Agências de Rating. Este parece que vai ser o grito em uníssono contra um inimigo comum, contra os maus, contra a besta especuladora. Nada melhor que um inimigo exterior e comum para justificar as dificuldades e esconder o facto de estarmos em queda livre. Mas, isto não é de hoje, já vamos a cair há muito tempo, por nossa culpa por termos aceite jogar este jogo da globalização capitalista e liberal onde nunca poderíamos ganhar. É fácil culpar aqueles que só fazem o que o sistema em que aceitámos viver permite. Pedimos ou não pedimos dinheiro? Estamos ou não estamos endividados? E agora? Não sabiam estas doutas cabeças, estes grandes economistas, esta gente tão cheia de prémios de méritos que isto ia acontecer? Eu que não entendo nada de finanças há muito que o previ e que aqui o digo. O pior, é que um dia destes os patrões desta gente lhes arranjam um lugar lá por fora e nós é que ficamos aqui a pagar a porcaria que fizeram. O pior é que vamos continuar a apertar o cinto, a perder direitos e a empobrecer enquanto o país continua a saque dos grandes especuladores mundiais. O pior é que tudo vai ficar na mesma para alguns e muito pior para todos os outros.

2 comentários:

  1. "O pior é que tudo vai ficar na mesma para alguns e muito pior para todos os outros."

    Caro Kaos,
    Permita-me uma "pequena" correcção, acho que vai ser assim:

    "O pior é que tudo vai ficar MELHOR para alguns e muitíssimo PIOR para todos os outros."

    Acho, que assim é mais correcto.
    Um abraço

    LUSITANO

    ResponderEliminar
  2. DESFECHO FINAL

    Sócrates tinha uma dor de cabeça. Queria arrancar mais uns trocos, mas...
    Bem, agora que se reuniu com Passos Coelho já pode esmifrar o Zé... que a culpa não é só sua.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo