quarta-feira, fevereiro 09, 2011

Impressão digital de Luis Amado


Felizmente o Ministro Luís Amado esqueceu-se que, para assinar o acordo com os EUA para lhes oferecer todos os dados, da impressão digital ao perfil de ADN dos cidadãos portugueses em nome da luta contra o terrorismo, tinha de ter o acordo da omissão Nacional de Protecção de Dados. Felizmente porque agora veio essa comissão chumbar o acordo por considerar "abusivo, excessivo, demasiado genérico, [de] difícil controlo de pesquisas indevidas, sem garantia da protecção dos dados [...] e [falho] de salvaguarda da pena de morte".
São voos da CIA, Guantanamo, informações secretas, tudo oferecemos mesmo à revelia das posições da União Europeia. Esta subserviência deste governo aos EUA já fede.

2 comentários:

  1. ‎.
    Luis Amado tem sido a "sopeira" de serviço dos EUA em Portugal e, dentro das suas limitações, na Europa.
    Deve ter um bom "tacho" à espera.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo