quarta-feira, março 30, 2011

Pugilismo verbal


O secretário-geral do PSD, Miguel Relvas, reagiu às declarações do primeiro-ministro, onde acusava que para o PSD "vale tudo" para "ganhar mais votos" e de já se ter "rendido" à ajuda externa e ao Fundo Monetário Internacional; "Pensei que o PSD tinha pensado numa aliança com o CDS, mas parece que é com o FMI", acusando José Sócrates de «pugilismo verbal que não leva a lugar nenhum».

Compreendo que o PSD mostre alguma "dor" ao ouvir estas afirmações do Engenheiro da Independente, afinal à verdades que incomodam.
Também não tenho dúvidas que este será tipo de discursos são o mote da próxima campanha eleitoral, basta ver o que, nos últimos meses, tem sido dito, quer pelo PS como pelo PSD, para prever o que aí vem.
O que seria realmente importante era que os portugueses não dessem ouvidos a todo este ruído e pensassem onde poderá estar a solução para os seus problemas e que caminho querem seguir. Com esta gente e estas politicas tudo ficará na mesma e o futuro mais negro.

1 comentário:

  1. O Troca-os-Passos, se não se põe a pau, leva mais dois ou três do engenheiro e perde por KO.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo