terça-feira, julho 26, 2011

Políticos a dias


O novo líder do PS, António José Seguro, acusou o Governo de querer "tratar os jovens como jovens a dias, com menos direitos e nenhumas garantias", referindo-se à intenção governamental de redução das indemnizações por cessação do contrato de trabalho.

Não são só jovens, a dias são todos os que trabalham que cada vez mais são tratados como animais, precários, sem horário nem segurança. Se o PSD e o CDS neste momento representam o liberalismo laboral, não podemos esquecer o contributo que o PS deu ao longo dos anos na destruição dos direitos de quem trabalha. Isto de falar quando se é opisição e fazer o oposto quando se chega ao governo retira toda a credibilidade a quem há muito pertence e colabora com o sistema.

2 comentários:

  1. ...a dias e sem seguro.

    ResponderEliminar
  2. O gajo que não vá "a dias" para um hotel onde esteja aquele tipo "qualquer coisa" Kahn.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo