terça-feira, julho 26, 2011

Um mês a passos de coelho


Andou a babar-se para chegar ao poder, não teve dúvidas em criar uma crise política para lá chegar, negou a crise internacional e prometeu o que agora não cumpre. Agora que lá chegou, ao fim de um mês de governo, já se queixou de um murro no estomago, mas muitas outras más disposições já o afligiram. Com o caso do Bairrão junta á sua governação de estilo "Sócretina" às confusões do "Santanismo". A coisa não começa bem, mas também não se esperava melhor.

5 comentários:

  1. O que se pode esperar de um antigo Jotinha... ?

    Agora já é moço de recados encartado.

    ResponderEliminar
  2. Mudaram as moscas mas a merda mal cheirosa ficou. Quem esperava potes de leite e mel, enganou-se redondamente. E ainda a procissão vai no adro.

    ResponderEliminar
  3. Pelo andar da carruagem ainda vamos ter saudades do Sócrates!...

    Zé de Aveiro

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo