sábado, setembro 03, 2011

Generosas pensões


«O antigo ministro João de Deus Pinheiro defendeu hoje um aumento da idade da reforma, a diminuição da “generosidade das pensões” e o crescimento das contribuições para a Segurança Social, sublinhando que os custos são neste momento “incomportáveis”.»

Se todos tivessemos uma generosa pensão como a dele, na idade em que ele as teve e contribuido como ele contribuiu para a Segurança Social acredito que todos aceitariamos de bom grado.
Porque é que esta gente não se cala, não se faz de "desaparecida" e fazem os seus jonhinhos de golfe em privado? Respeitem pelo menos aqueles que trabalharam no duro durante toda uma vida para agora subsistirem com pensões de miséria. Há gente que me mete nojo.


5 comentários:

  1. OI AMIGO
    O SR FARIA ALGUMAS MONTAGENS POLÍTICAS COM FIGURAS DO BRASIL?
    RISOSSSS

    ResponderEliminar
  2. eu lhe enviaria as fotos

    eu sou muito ruim em foto shop

    creio que suasm onatens fariam um grande sucesso no brasil

    meu emails paar contacto- dgferraz@terra.com.br

    não publique este meu email

    ResponderEliminar
  3. Anónimo4/9/11 01:11

    coitado do anibal...
    afinal andam preocupados por irem aplicar 3% aos ricos ainda pensei que o governo que excede a troika nos impostos também iria exceder o exemplo francês a aplicar aqui tipo 50% como na Noruega mas afinal a preocupação é ir mexer nos riquinhos OS POBRES QUE PAGUEM A CRISE! até andam habituados a isso, ou abituados.

    ResponderEliminar
  4. Anónimo4/9/11 09:01

    Estes f da p ainda conseguem ser uns arrogantes de merda!
    Desde que não mexam com eles está tudo bem, assim continuam a mexer
    com os outros é muito mais fácil e
    os sacanas gozam que nem "pretos"!
    Vão todos para a p que os p!...
    Dizia a Odete Santos ontem nas festa do Avante que este também vai cair para o ano!
    Ou isto muda ou até estou em acreditar que sim!...

    Zé de Aveiro

    ResponderEliminar
  5. Anónimo4/9/11 10:59

    Para a Sibéria com estes filhos da puta!!!!LADRÕES.Afinal,a politica também é um caso de policia.

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo