domingo, dezembro 04, 2011

Um salário mínimo digno de gente abastada


"O salário mínimo [485 euros], em termos relativos, não é realmente baixo em Portugal." A afirmação do secretário de Estado do Emprego, Pedro Martins, feita ontem no Parlamento, levou alguns deputados à gargalhada.

Temos de agradecer a este burgesso o fazer-nos sentir ricos pois afinal viver com 485 euros não é um salário baixo. Os deputados deram gargalhadas com as afirmações do Secretário de Estado e como sei que vão aparecer muitos que não sabem a sorte que temos em estar num país onde quem recebe o salário mínimo vive na abastança, faço já aqui a proposta de que esse passe a ser o valor dos salários deste e todos os outros membros do governo. Afinal, em termos relativos, não seria uma remuneração realmente baixa, mas seria merecida.

4 comentários:

  1. teriam direito a complemento de insalubridade.

    ResponderEliminar
  2. Afinal, em termos relativos, não seria uma remuneração realmente baixa, mas seria merecida.

    Muito bom! :-)

    ResponderEliminar
  3. isso dá para quantos audis ao ministro da seg social ?

    ResponderEliminar
  4. Merecida?Nem essa,não pago a ladrões,só obrigado pela violência dos próprios.

    Um abraço,
    mário

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo