quinta-feira, dezembro 22, 2011

A vida fácil do Sr. Silva


O Presidente Cavaco Silva destacou o erro de Portugal ter investido excessivamente na produção de bens não-transacionáveis. Segundo ele, os portugueses beneficiaram do Euro e tiveram "uma vida fácil".

Tem toda a razão, mas um dos principais responsáveis pela destruição da agricultura, pescas e industria foi ele próprio assim como a aposta nos tais bem não-transacionáveis, para não falar no sistema financeiro submisso aos interesses dos mercados. Foi a era dos amigos, dos novos bancos e dos Dias Loureiros, Oliveiras e Costas e Duartes Limas. E, realmente, para alguns o Euro foi uma mina de ouro, fizeram-se muitas fortunas, e houve quem tenha tido a tal vida fácil. O Sr. Silva só se esquece que nem todos tinham dinheiro e a"conselheiros" para poderem comprar e vender acções do BPN, não puderam comprar uma Casa na Coelha, nem têm amigos com Propriedades em Cabo-Verde e contas em Off-shore. Esquece-se que já então os salários dos portugueses eram dos mais baixos da Europa, havia pensões eram de miséria e a fome e a pobreza de uns já coexistia com a abastança e ostentação de outros. Nem para todos a vida era um Cabaret.

8 comentários:

  1. insubmisso22/12/11 12:47

    Quando o povo acordar este vai ser dos primeiros

    ResponderEliminar
  2. Este cabrão para a forca!

    ResponderEliminar
  3. Kaos,

    Veja este link.

    Pode-lhe dar mais umas ideias para próximos blogs :-D

    http://cavacosilvaaolharpracenas.tumblr.com/

    ResponderEliminar
  4. Caro WEHAVEKAOSINTHEGARDEN

    Passa-se qualquer coisa.
    Uma reuniao as 19:30 hs entre passos e seguro, hummmmmmmmmmmm, não me cheira nada bem.
    Será o confisco dos euros nos bancos e sua conversão em escudos novos ????
    Será alguma guerra nbo IRÃO ou na Síria ???
    Passa alguma coisa, o que será ????????????????
    Se lhe cheirar alguma coisa pôe no teu blogue.
    Um abraço.

    Ramiro Lopes Andrade

    ramirolopesandrade.blogspot.com

    ResponderEliminar
  5. Ponho-me a pensar quantos dias de luto seriam declarados se o Eusébio morresse fisicamente (não sou adepto de futebol) e se seriam os mesmos que seriam no caso fosse o bandalho cavaco; por mim este ultimo podia morrer já hoje de preferência de morte violenta.É triste mas para mim não seria outra coisa que uma rara oportunidade para comemorar.

    ResponderEliminar
  6. http://infamias-karocha.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  7. Tudo pelo melhor

    neste Inverno descontente

    ResponderEliminar
  8. não sei pra onde esta corja nos leva, mas que vamos pra lá vamos... e cheira cada vez mais mal!...

    .........................

    passa uma quadra feliz, com os teus!... abraço!...

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo