segunda-feira, fevereiro 06, 2012

Complexo de reisinhos


Luís Filipe Menezes afirmou que "O desenho de Lisboa é que o Norte nunca venha a ter líder. É um pouco essa lógica pitonisesca de que o Norte está condenado a não ter líder. Há quem trabalhe para, na secretaria, conseguir esse desiderato". "É impossível que uma região se levante sem lideranças fortes. Neste novo ciclo político que vem aí, o Norte tem talvez a última oportunidade, numa perspectiva de duas ou três gerações, de se tornar num grande centro alternativo a Lisboa, na segunda grande ponte urbana de entrada na Europa", considerou Menezes, lembrando que "o Norte sempre teve grandes líderes no passado".

Este é da mesma escola do João Jardim. Um ameaçava com a independência apontando o dedo aos "contenentais", o outro vem agora criar uma competição entre o Norte e "o desenho de Lisboa". Um foi coroado Rei da Republica das Bananas e o outro deseja agora ser o Presidente do Reino do Norte. Para alguns, o poder é sempre tão atractivo.

33 comentários:

  1. Anónimo6/2/12 13:33

    REISINHO COM S?!

    OU SERÁ REIZINHO?

    ResponderEliminar
  2. E já agora o pq do simbolo do F.C.Porto?

    ResponderEliminar
  3. Anónimo6/2/12 14:22

    Não é o símbolo do F.C. do Porto, é o símbolo da cidade do Porto que foi adoptado pelo clube fundado por monárquicos...daí o emblema...etc... e tal !
    Daaaahhh !
    Só complexos !!

    ResponderEliminar
  4. Anónimo6/2/12 14:32

    http://doportoenaoso.blogspot.com/2010/07/apontamentos-sobre-as-armas-do-porto.html

    Já agora, entrem no link acima e vejam a heráldica que é dedicada à cidade do Porto, para que de futuro não digam mais asneiradas.

    ResponderEliminar
  5. Nuno Dragão6/2/12 17:38

    Este gajo até é lagarto.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo6/2/12 17:41

    Errado...BENFICA !!

    ResponderEliminar
  7. Não me chame ignorante nem me "atire areia para os olhos", sabemos bem a contação que se pretendeu dar ao boneco,ok? Por isso agradeço que não me chame de burro....você é que deve seo o inteligente.

    ResponderEliminar
  8. ...conotação,perdão!!!

    ResponderEliminar
  9. P.S- Lições de História vindas de si? Não obrigada, dispenso!!!Pricipalmente aquelas lições que todo e qualquer portuense não anónimo deve saber!!! Como dizia o outro:
    - Eu não conheço o Porto pelo google earth!!! lol

    ResponderEliminar
  10. Anónimo6/2/12 21:27

    POis não, conhecemo-los por murcões.hehehe

    ResponderEliminar
  11. Bom povo do Porto, não se zanguem. Se eu tivesse utilizado as armas do Porto no lugar do Dragão quem as iria reconhecer. Afinal o FCP é uma nação...ou quase :)

    ResponderEliminar
  12. Anónimo7/2/12 00:00

    gajos que juram a hipocrates e vão para politica nunca podem ser bons esse bimbo do caralho, murcão, jogador de sameiras que pesca com seviela e bebe cimbalinos que se vá foder

    ResponderEliminar
  13. Cá está o problema. As discussões Porto - Lisboa são sinónimo de picardias futebolísticas.
    Antes fossem, antes fossem....

    ResponderEliminar
  14. E os Lisboetas por alfacinhas e descolhoados....Aconselho-vos já a gora a ler "O reino de Portugal em 1766" de Charles François Dumouriez.
    Faz uma breve descrição dos Lisboetas com a qual eu concordo totalmente.

    ResponderEliminar
  15. Anónimo da Grande Nação que é o Norte7/2/12 12:56

    O autor do blog afirma "o outro vem agora criar uma competição entre o Norte e o desenho de Lisboa".

    O "outro", meu caro Kaos, não criou nada que já não tivesse sido criado antes.

    Quem foi que andou a desviar verbas da UE atribuidas ao Norte, Centro e Alentejo (por serem as regiões mais pobres do país) para atribui-las a Lisboa?

    Terá sido alguém do Porto que fez isso ou foi alguém que estava em Lisboa?

    Quem foi que pretendia desviar dinheiro de todos os aeroportos do país para investir no grande e imponente aeroporto da Capital?

    Infelizmente a sua "costela" alfacinha veio ao de cima estragar todo o bom trabalho que faz neste blog.

    Por mim pode imprimir os seus bonecos e limpar o cu a eles pois da minha parte não merece nem mais um segundo da minha atenção.

    Passe muito bem!

    ResponderEliminar
  16. Anónimo7/2/12 15:32

    assino por baixo do anonino da granda nação do norte,
    que podia ter escrito sobre a vontade de lisboa querer se apoderar do unico porto maritimo com crescimento e lucros (Leixo~es), andarmos a pagar as scuts 1 ano antes do resto do pais etc.

    ResponderEliminar
  17. Menezes para a forca7/2/12 16:39

    " Cá está o problema. As discussões Porto - Lisboa são sinónimo de picardias futebolísticas.
    Antes fossem, antes fossem....

    7/2/12 00:20
    Anónimo Pedro disse...

    E os Lisboetas por alfacinhas e descolhoados....Aconselho-vos já a gora a ler "O reino de Portugal em 1766" de Charles François Dumouriez.
    Faz uma breve descrição dos Lisboetas com a qual eu concordo totalmente."



    Concordas com um francês, idiota?

    Também podia dizer que a tua mãe e todas as gajas aí de cima são umas porcas, azeiteiras e labregas com bigode, mas não o faço, porque, ao contrário de ti, não sou um cobarde e mongolóide das generalizações.

    Quanto ao cornudo franciú que escreveu essas bacoradas, para além de cornudo era também traidor - como toda a merda PS/PSD/CDS -, visto que resolveu trair a própria França e arranjar uma reforma dourada junto dos ingleses.

    ResponderEliminar
  18. As palavras tal como a sua óbvia falta de educação são da sua inteira responsabilidade, se porventura não as tem, concerteza que não sou eu que as vou ensinar.

    ResponderEliminar
  19. P.S - Não confundas a minha mãe com a tua, ok?

    ResponderEliminar
  20. Anónimo da Grande Nação que é o Norte

    Começo pelo fim para lhe dizer que eu limpo o cu àquilo que desejo assim como cago para as tuas opiniões. Se não sabes ler vê só os boneco. Nada tenho contra o Porto, cidade onde aliás já passei bons momentos e onde tenho bons amigos. Não tenho qualquer vontade de fazer guerras nem com o Porto, Faro ou Funchal. O mal nunca está nas cidades mas muitas vezes há aqueles que não sendo nada só se conseguem afirmar pela terra onde vivem ou nasceram.
    Já perdi tempo de mais com quem não o merece
    Fica bem oh vai-te embora
    Kaos

    ResponderEliminar
  21. Anónimo7/2/12 21:38

    Ó pedreito, os lisvuetas é que pararam os mouros á entrada de lisvoa, para voces terem paz aí no"centro" do país carago!!
    Ouve cá uma coisa pá, quem é que tem (des)governado o país nestes últimos 100 anos, teem sido os alfacinhas ou os murcões e os beirões?basta ver o cenário político desta nação á beira mar plantada.
    -jorge coelho, duarte lima, socrates, passos coelho,salazar,etc etc.Ok o santana lopes é daqui destas andanças, acho eu...Epa querem a merda do norte fiquem com ele e desamparem a loja, a malta de LIsboa passa bem sem voces,fónix, separem-se do resto país mas, por favor deixem de xular o país.Desopila o fígado.

    ResponderEliminar
  22. Anónimo7/2/12 21:53

    Ha ,e já agora para completar o ramalhete, o Vitor gaspar, Teixeira dos santos,Álvaro santos pereira,Diogo freitas do amaral,Dias Loureiro,Valentim Loureiro, Miguel Macedo, Almeida santos, -ohhh, mas afinal eles comem a papinha em Lisboa mas são todos do norte, pá...

    ResponderEliminar
  23. Portuense7/2/12 22:24

    Pois, a esses nós chamamos os Judas que vão para a capital e vendem-se por 30 moedas.

    O problema com o teu raciocínio é que o que realmente conta não é de onde eles "são" mas sim onde eles "estão".

    É tal e qual como tu dizes: é em Lisboa que eles comem a papinha.

    O problema deste país é precisamente Lisboa.

    E depois quando alguém chama os bois pelos nomes os lisboetas ficam que nem "donzelas ofendidas", tal como o autor do blogue ficou, porque na verdade vocês sabem que vivem muito melhor que o resto do país e muitas vezes á custa do resto do país.

    Devem ser problemas de consciência. Afinal quem vive com o que os outros roubam também é cúmplice do roubo...

    Da minha parte bem que me separava de Lisboa mas era para não ser mais "chulado" por essa cambada de parasitas da capital...

    ResponderEliminar
  24. Anónimo7/2/12 23:23

    Realmente , mais cego é aquele que não quer ver...E tu não queres ver.Ok.nada a fazer.

    ResponderEliminar
  25. Portuense
    O autor deste blog não ficou como uma donzela ofendida porque se está cagando para esta luta entre cidades que não faz sentido nenhum. Deixem-se de merdas e olhem para os verdadeiros culpados, os que nos têm roubado aos longo dos anos, sejam eles políticos ou empresários de Ferrari. Foquem as energias neles e deixem as guerras Lisboa/Porto para os futebois

    ResponderEliminar
  26. Anónimo7/2/12 23:29

    Uma coisa é certa;não se vêem tantos Ferraris e Porches em Lisboa como no Porto.

    ResponderEliminar
  27. Portuense8/2/12 00:48

    Pois, pois... O luxo está no Porto mas vocês é que têm a 10ª avenida mais luxuosa do mundo.

    Deve ser para os Portuenses irem todos de Ferraris e Porsches a Lisboa fazer compras. (Porches é uma freguesia no Algarve, se não sabes escrever vai ao Google porque mais burro é quem não quer aprender.)

    Ó Kaos, primeiro de tudo, foste tu quem meteu o simbolo do FCP no Menezes, quando as afirmações dele não têm nada a ver com futebol.

    Depois as afirmações dele fazem todo o sentido. Claro que para quem vive na região mais rica do país (muitas vezes à custa do resto do país que vai definhando com cada vez menos escolas, menos saúde, menos justiça e menos oportunidades de emprego), este tipo de discurso não agrada...

    ResponderEliminar
  28. Portuense
    Coloquei o dragão do FCP porque foi uma forma de simbolizar o Norte e se isto é muito difícil de entender então paciência. E o post não é sobre guerras lisboa /Porto mas sim sobre a guerra Menezes/Rui Rio. Vocês ai no Porto deviam saber disto melhor que nós e não embarcarem em cruzadas sem sentido

    ResponderEliminar
  29. O Algarvio8/2/12 09:11

    90% dos ditos Alfacinhas são de origens nortenhas...é com cada nabo!!!

    ResponderEliminar
  30. Portuense8/2/12 13:18

    O Dragão simboliza o FCP. Quanto muito pode representar cidade do Porto mas nunca o Norte. Se para ti isto é muito difícil de entender é natural visto teres um ponto de vista lisboeta em que o resto do país é considerado "paisagem".

    Se 90% dos ditos Alfacinhas são de origens nortenhas isso só vem reforçar a minha ideia de uma capital que suga os recursos ao resto do país. É por isso que temos a zona da grande Lisboa sobrelotada e um interior desertificado, com todos os problemas que isso acarreta em termos de território.

    ResponderEliminar
  31. ...sem dúvida!

    ResponderEliminar
  32. Anónimo9/2/12 20:20

    sem dúvida não.sem dúbida.

    ResponderEliminar
  33. ...como queiras...whatever!

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo