sábado, abril 14, 2012

Silencio e realidade


«Tenho que dizer muito claramente que lamento profundamente que tenha sido tornada pública uma carta que fornece informação a quem não devia, isso indica debilidades que podem ser aproveitadas, pondo em causa a segurança», sublinhou a ministra, garantindo que o Ministério da Justiça irá «apurar responsabilidades» nessa matéria. Paula Teixeira da Cruz falava aos jornalistas a propósito da divulgação de uma carta enviada ao director-geral dos serviços prisionais pelos chefes do corpo da guarda prisional em que se alerta para um cenário de ruptura nas cadeias, nomeadamente sobrelotação, torres de vigia desactivadas em cadeias, por falta de pessoal e carrinhas avariadas.

A Ministra parece preferir que a verdade seja calada e que ninguém saiba o estado em que se encontram os estabelecimentos prisionais utilizando o argumento da segurança. Quer-nos fazer acreditar que quem vive nas prisões, sejam eles presos ou guardas, não sabem as condições em que vivem nem aquilo que se passa por lá, quando na verdade o que pretende é esconder a realidade em que o sistema que tutela se encontra. Se existem funcionários das Finanças que já não podem sair para fazer avaliações ou penhoras por não haver dinheiro para a gasolina ou os policias que não fazem as rondas por os carros estarem avariados não podemos estranhar que neste recanto obscuro e que todos procuramos esquecer que existe que são as prisões também não haja dinheiro para nada. Quem só sabe fazer cortes e impor austeridade era bom que não se esquecesse que quem planta ventos colhe tempestades e elas, mais cedo ou mais tarde são vistas e sentidas por todos por mais que a tentes esconder ou silenciar.

12 comentários:

  1. A mim a comunada não me engana:

    http://www.otacaodeferro.blogspot.pt/2012/04/fraude-de-karl-marx-uma-verdade.html

    ResponderEliminar
  2. juro que dizer verdades num ajuda...

    o muro está aí para vos proteger...

    é que as pessoas não acreditam quando lhes dizemos a verdade

    tiraram o muro ....deu nisto

    o muro estava lá pra separar o mal e o bem


    e as forças do mal estavam do lado oposto das forças do bem

    e dava para os dois lados
    como a bissexualidade...

    agora o mal tá dos dois lados

    e o bem se o houve

    foi pró espaço...e voltará numa manhã de nevoeiro ou quiçá de chuva forte

    ResponderEliminar
  3. É o que se usa dizer:competente,rigorosa e responsável...

    ResponderEliminar
  4. Epa, mas este extrema direta de meda deste otacãodeferro anda or aqui a fazer o quê? a ver se arranja militantes para o seu movimentozeco de direita de merda?epa vai-te embora ,vai ter com a merkozi que te safas, hitlerzinho de bolso.

    ResponderEliminar
  5. Então e se fosses tu a ir apanhar no cu seu social-fascista/comuna de merda. Achas que há alguma diferença entre ti e o Hitler ou sua besta do caralho?

    ResponderEliminar
  6. Tudo em nome da transparência...

    ResponderEliminar
  7. Sim meu querido, há uma diferença bem grande.É que o hitler não comeu a rata e peida da tua mãe, e eu comi...;)

    ResponderEliminar
  8. Anónimo das 11:17
    Não sei porque ensistem alguns porcos em continuar a conspurcar esta caixa de comentários, mas ela sempre foi aberta e assim continuará por mais que aqui venham despejar a vosso ordinári fel. Era assim que falavam com os vossos pais e é essa a educação que dão aos vossos filhos? Tenham vergonha na cara.

    ResponderEliminar
  9. Vergonha tem tu oh otário, que deixas toda a merda cagar aqui a sua posta de pescada, mesmo que seja podre.Quer dizer, o outro de extrema direita mandou-me levar no cú e não disseste nada, e agora que lhe respondi á letra já te picas? és de esquerda mas é o caralho é que és de esquerda.Tem vergonha tem!

    ResponderEliminar
  10. Se tu foses de esquerda, os meninos do governo já te tinham empadeirado pa.Sê leal e querente com aquilo que defendes,pois tanto dás uma no cravo ,como uma na ferradura.Isso fazem os bloquistas , e os xuas pah...pois se calhar andas por ai..triste.

    ResponderEliminar
  11. Viva Salazar! Nunca há-de vir outro como ele.

    ResponderEliminar
  12. E tu cala-e que tens um passado triste!!

    ResponderEliminar

Ocorreu um erro neste dispositivo